Cuiabá, Terça-feira 16/10/2018

Política de MT - A | + A

08.02.2018 | 08h00

Fagundes quer urgência na criação da universidade de Rondonópolis

Facebook Print google plus

O senador Wellington Fagundes (PR-MT), líder do Bloco Moderador do Senado, protocolou nesta quarta-feira, 7, requerimento de urgência para tramitação do PLC 2/2018, projeto de Lei que cria a Universidade Federal de Rondonópolis (UFR) por desmembramento da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). A matéria foi aprovada na Câmara dos Deputados, no ano passado, e agora segue para as comissões de Educação e de Constituição e Justiça.

André Corrêa/Agência Senado

“É um tema muito importante e já foi deliberado por lideranças, professores, alunos e os próprios deputados. Precisamos aprovar esta urgência justamente para que o Sul de nosso Estado – mais de 200 mil habitantes – seja atendido com celeridade, já que está tudo pronto para instituirmos a UFR”, garantiu o senador.

Caso aprovado o requerimento em Plenário, o texto não tramitará pelas comissões do Senado, indo direto ao colegiado para votação. Wellington tem acompanhado de perto o assunto há mais de 10 anos, pressionando tanto o Governo Federal quanto o próprio Congresso pela aprovação da matéria. “A decisão de criar a UFR vai descentralizar as decisões e fazer com que o trabalho do corpo acadêmico esteja ainda mais próximo da população”, comemorou o republicano.

O campus de Rondonópolis foi criado em 1976 e conta com seis blocos de salas de aula, laboratórios, biblioteca e anfiteatro para 250 pessoas. Além disso, há no complexo um Núcleo de Estudos e Atividades da Terceira Idade, um laboratório de Climatologia e o centro Meteorológico.

O conjunto conta ainda com 22 cursos de graduação para atender Rondonópolis e região: Pedagogia, História, Matemática, Geografia, Ciências Biológicas, Letras (com Habilitação em Português e em Inglês), Ciências Contábeis, Biblioteconomia, Licenciatura em Informática, Zootecnia, Psicologia, Enfermagem, Engenharia Mecânica, Engenharia Agrícola e Ambiental, e Administração (modalidade EAD). Além disso, há três cursos de mestrado e um de doutorado. Ao todo, o campus atende 300 professores e mais de 5 mil alunos.

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Na França, quem assoviar para mulher na rua pode ser multado

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 16/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,90 -0,87%

Algodão R$ 119,90 0,13%

Boi a Vista R$ 131,00 0,00%

Soja Disponível R$ 70,00 -0,71%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.