Cuiabá, Quinta-feira 21/03/2019

Política de MT - A | + A

R% 150 mil 14.03.2019 | 12h10

Membro da CPI de Brumadinho, Fagundes recebeu doações de mineradoras

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

O senador Wellington Fagundes (PR), membro da CPI que investiga a tragédia de Brumadinho, é um dos 6 parlamentares da Comissão que receberam doações eleitorais de mineradores.

 

Leia também - Senador estuda cobrar dívida da divisão de Mato Grosso no STF

 

De acordo com a reportagem do jornal O Globo, Fagundes recebeu uma doação de R$ 150 mil da empresa Cavalca Construções e Minerações Ltda, durante as eleições de 2014, quando se elegeu senador da república.

 

A assessoria do senador mato-grossense afirma em nota que "as doações de campanha através de empresas, quando permitidas, jamais comprometeu minha atuação parlamentar. A citada doação, à época, integrou prestação de contas, aprovada sem restrição pela Justiça Eleitoral", diz trecho da reportagem.

 

O confirmou em consulta ao site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que a doação ocorreu diretamente no dia 3 de outubro de 2014, véspera da votação.

A Cavalca Construções e Minerações Ltda possui vários contratos no Estado, desde o governo estadual até prefeituras.
Durante a gestão Pedro Taques, a empresa chegou a faturar cerca de R$ 131 milhões em contratos.

 

Arlindo Cavalca, sócio-proprietário da Cavalca Construções e Minerações Ltda, foi um dos alvos da Operação Buracos, da Polícia Federal em 2017, chegando a ser conduzido coercitivamente para prestar esclarecimentos.

A PF investiga um suposto esquema de desvio de R$ 700 milhões em verbas públicas em obras de estradas federais em Rondônia e no Acre.

 

(Com informações de O Globo)

 

Voltar Imprimir

Comentários

Chico Ferreira

Chico Ferreira

GD

GD

Enquete

O brasileiro tem dificuldade de ficar um minuto longe do celular, segundo pesquisa

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 21/03/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 18,20 1,68%

Algodão R$ 90,30 0,14%

Boi a Vista R$ 136,95 0,15%

Soja Disponível R$ 65,00 -0,31%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.