Cuiabá, Quarta-feira 19/09/2018

Política de MT - A | + A

16.05.2018 | 10h02

ONG Moral aciona comissão de Ética da Assembleia para investigar deputados

Facebook Print google plus
Marcus Vaillant

Gilmar Brunetto, diretor da ONG Moral

O Movimento Organizado pela Moralidade Pública e Cidadania (ONG Moral) decidiu entrar com um mandado de segurança junto ao Tribunal de Justiça para obrigar a Comissão de Ética da Assembleia Legislativa a acatar suas denúncias contra os deputados estaduais investigados na Operação Bereré e outras, além dos citados na delação do ex-governador Silval Barbosa.

A entidade defende que os parlamentares sejam acionados por quebra de decoro, o que pode resultar na perda dos mandatos.

Diretor da ONG, Gilmar Brunetto, critica o fato de que as denúncias de pagamento de mais de R$ 30 milhões em propina não serem alvos de cobranças dentro do Parlamento sequer por deputados da oposição ao governo Pedro Taques (PSDB).

“Nós estamos estranhando que os deputados estão tendo a mesma postura dos colegas envolvidos, tanto na operação Bereré, como na Bônus. Estão calados. Não estão cobrando providencias do governador, isso é vergonhoso e nós vamos cobrar judicialmente”, diz.

Para a diretora administrativa da ONG Moral, Elda Mariza Valim Fim, “a postura dos parlamentares deixa muito a desejar em termos de fiscalizaçao da gestao do dinheiro dos cidadaos”.
Ainda na primeira fase da Bereré, a ONG Moral protocolou uma representação por quebra de decoro contra os deputados estaduais Mauro Savi e Eduardo Botelho, ambos do DEM.

Além deles, os deputados Ondaninr Bortolini, o Ninhinho (PSD), Baiano Filho (PSDB), Romoaldo Júnior (PMDB), Wilson Santos (PSDB) e José Domingos Fraga (PSD) são investigados sob suspeita de terem recebido propina paga pela empresa EIG Mercados, antiga FDL Serviços de Registro, Cadastro, Informatização e Certificação.

“A ONG Moral e a sociedade cobram postura e coerência dos parlamentares sobre envolvimentos de colegas em desvios de recursos públicos, porque é desumano pessoas investirem em concurso público para trabalharem no Detran e não tomar posse porque o órgão foi entregue a corrupção, entre outros prejuízos”, finalizou Brunetto.

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Você sabe o que é o voto útil?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 19/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22.100 -0.900

Algodão R$ 119.490 0.130

Boi a Vista R$ 126.330 0.660

Soja Disponível R$ 68.500 -1.230

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.