Publicidade

Cuiabá, Domingo 15/09/2019

Política de MT - A | + A

de olho em 2020 17.08.2019 | 20h20

Quatro prefeitos de Mato Grosso confirmam filiação ao PSL

Facebook Print google plus

Assessoria

Assessoria

O Partido Social Liberal de Mato Grosso (PSL-MT) realizou seu ato de filiação em Cuiabá, neste sábado (17), em Cuiabá. A sigla recebeu adesão de aproximadamente 5 mil novos integrantes, entre eles quatro prefeitos mato-grossenses e lideranças locais.

 

De acordo com os organizadores, o número de filiados superou a expectativa antes do evento. Entre os prefeitos confirmados no PSL estão os gestores Jonas Canarinho, de Aripuanã, Tony Rufatto, de Paranaíta, Leocir Hanel, de Nobres, e Maurício Souza, de Peixoto de Azevedo. Eles se juntam aos prefeitos Rafael Machado, de Campo Novo do Parecis, Valcir Casagrande, de Sapezal, e Iraldo Ebertz, que já faziam parte da sigla. 

 

Leia também - Homem protesta em evento do PSL com melancia

 

Durante todo o dia, cerca de mil pessoas estiveram presentes ao Hotel Fazenda Mato Grosso, local do ato, para prestigiar o partido. Para o presidente estadual do partido, deputado Nelson Barbudo, o evento deve ser considerado um sucesso. “Estamos mudando o jeito de se fazer política, o PSL tem conseguido isso, conseguido arregimentar novos filiados e não tenho dúvida que, muito em breve, estaremos entre os maiores partidos de Mato Grosso”. 

 

Assessoria

PSL filiação

 

Participaram do ato todos os integrantes da direção do partido no Estado, como a senadora Selma Arruda e os deputados estaduais Delegado Claudinei e Sílvio Fávero. “Sem dúvida alguma, o nosso partido vai se fortalecer ainda mais. Quem apoia o presidente Jair Bolsonaro, apoia o PSL. Essa adesão em massa dá musculatura política necessária para o partido sair vitorioso nas urnas, no ano que vem", pontuou Carlos Hayashida, secretário-geral do partido em Mato Grosso.

 

Militância

Antes do ato de filiação, foi realizado um encontro para organizar a militância e preparar os futuros candidatos.

 

Com o ato de filiação, a sigla passa a contar com representantes em 126 municípios e a ideia é ampliar em todo o Estado, concluindo até o final de 2019, com representatividade nas 141 cidades mato-grossenses. O ato de filiação foi realizado em todas as capitais brasileiras.

 

Com informações da Assessoria.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Erivaldo - 21/08/2019

No Brasil muda-se de partidos como se troca de roupa! Não existe fidelidade partidária nem tampouco o filiado cumpre as diretrizes do partido e nem sabe quais são...... troca de partidos no brasil e mato grosso nada mais é que jogo de interesses..... para com quem está no poder. Logo que o PSL sair do poder vai ser outra enxurrada de troca de partidos.... assim como já foi com PSDB e PT.... é o BRASIL!

joaca - 18/08/2019

Que bom que na Política é assim... Tudo é possível, plausível e ao mesmo tempo lamentável; vê um avalanche de pessoas se filiando a um partido de extrema direita é uma demonstração de que os partidos e a política está literalmente em crise, que é produto de uma total falta de credito, confiabilidade e esperança, ou o antônimo dos termos apresentados; talvez a esperança está nas pessoas e não nos partidos ou na política. A extrema direita vê o mercado ou modo de produção capitalista como a solução para tudo, inclusive para a grave crise social que assola o Brasil a décadas; talvez esta não seja a solução. Assim como também a extrema esquerda com seus instrumentos petistas e outros similares já provaram que também não resolvem. O que esperar daqui para frente...vamos aguardar. É certo que este jeito falastrão, pouco centrado, quase nada politizado, muito menos articulado e desprovido de atitude política, característica do jeito PSL Bolsonarista de Governar, ainda é algo incerto que precisamos aguardar; por enquanto nada tem dado certo, os dados da economia confirmam, os indicadores sociais continuam os mesmos, o descaso com o meio ambiente tende a aumentar, enfim os governos e as siglas mudaram, porém as esperanças continuam desprovidas de certezas.

2 comentários

1 de 1

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Turismo internacional cresce no mundo, mas recua no Brasil segundo a Organização Mundial do Turismo. Qual a principal causa?

Parcial

Edição digital

Domingo, 15/09/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,45 0,49%

Algodão R$ 92,24 -2,01%

Boi a Vista R$ 131,00 0,00%

Soja Disponível R$ 63,20 -2,77%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.