Cuiabá, Quarta-feira 12/12/2018

Política Nacional - A | + A

11.10.2018 | 16h05

Senado pede que STF suspenda ordem de prisão contra Acir Gurgacz

Facebook Print google plus

CONTEÚDO ESTADÃO

A Mesa Diretora do Senado pediu nesta terça-feira, 9, ao Supremo Tribunal Federal (STF) que suspenda a ordem de prisão contra o senador Acir Gurgacz (PDT-RO) até que não restem mais recursos em sua condenação por crimes contra o sistema financeiro nacional. A pena foi imposta ao parlamentar em fevereiro deste ano pela Primeira Turma do STF.

Ao negar um recurso do senador no dia 25 de setembro, a turma determinou o imediato cumprimento da pena de 4 anos e 6 meses de prisão em regime semiaberto, mas a ordem não pode ser cumprida em função do Código Eleitoral. A lei prevê que nenhum candidato pode ser detido ou preso, salvo em flagrante delito a partir de 15 dias antes do dia da votação.

Na ocasião, ele estava com o registro de candidatura ao governo de Rondônia inferido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Estado (TRE-RO). No início de outubro, a candidatura foi barrada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Mesmo assim, ele não poderia ser preso porque, desde a última terça-feira até 48 horas depois do término da votação nenhum eleitor poderia ser preso ou detido, salvo em flagrante.

Ao STF, o Senado destacou que essa vedação acaba nesta terça-feira, e pediu urgência na suspensão do mandado de prisão "ante a notícia de que o mandado será cumprido a partir das 17h, de hoje, 09/10/2018".

Na visão do Senado, a prisão de Gurgacz seria prematura. "O STF reafirmou a impossibilidade de prisão provisória ou cautelar do parlamentar, razão pela qual a execução do mandado de prisão exarada nos autos da ação penal 935, sem o efetivo trânsito em julgado do acórdão, implica em violação à ordem jurídica, ao regime democrático, ao pacto federativo, ao princípio da separação dos poderes e à autoridade da decisão do STF", afirma.

(Com Agência Estado)

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Crianças devem seguir acreditando em Papai Noel?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 12/12/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 18,85 -2,08%

Algodão R$ 94,38 0,20%

Boi a Vista R$ 132,35 -0,44%

Soja Disponível R$ 66,10 0,61%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.