Gazeta Digital

Muçulmanos em Cuiabá pedem paz e misericórdia às vítimas

Reprodução Internet

Reprodução Internet

A Sociedade Beneficente Muçulmana de Cuiabá (SBMC) divulgou nota repudiando o atentado que matou 49 pessoas, nessa sexta-feira (15), na cidade de Christchurch, que fica na costa leste da Ilha do Sul da Nova Zelândia.  A entidade também manifestou solidariedade e condolência as famílias das vítimas e a toda humanidade.

 

Um indivíduo identificado pela mídia local como Brenton Tarrant entrou atirando com uma arma automática em duas mesquitas da cidade. As autoridades ainda prenderam 3 pessoas escondendo explosivos em seus carros. A SBMC classificou o atentado como de extremismo e de intolerância religiosa, condutas que são totalmente condenadas por todas as religiões e pessoas de bem. 

 

Leia mais - Bolsonaro lamenta ataques a mesquitas na Nova Zelândia

 

“A Sociedade civil e todas as religiões devem se unir e levantar de forma pacífica contra TODO e QUALQUER ATO de violência e injustiça, a favor da Paz e da convivência pacífica entre os povos, caso contrário sempre seremos vítimas de tais práticas”, conta na nota. 

 

Confira a nota na íntegra

 

Que a Paz, a Misericórdia e a Benção de Deus estejam com todos! É com imensa tristeza que a SBMC - Sociedade Beneficente Muçulmana de Cuiabá recebe mais uma notícia de vidas inocentes, ceifadas, no atentado ocorrido na Nova Zelândia, 49 vítimas do extremismo e intolerância religiosa, condutas que são totalmente condenadas por todas as religiões e pessoas de bem.

 

No Alcorão Sagrado diz: “(...) E quem tirar a vida de um inocente, é como se tivesse tirado a vida de todos os seres humanos” . 

 

A intolerância religiosa que se espalha pelo mundo deve ser combatida com veemência e deve ser severamente punida. Condutas criminosas como as incitações, violências, agressões e xingamentos devem ser denunciados imediatamente para que o ódio não se dissemine e seus responsáveis sejam punidos. 

 

A Sociedade civil e todas as religiões devem se unir e levantar de forma pacífica contra TODO e QUALQUER ATO de violência e injustiça, a favor da Paz e da convivência pacífica entre os povos, caso contrário sempre seremos vítimas de tais práticas. Manifestamos nossa solidariedade e condolência as famílias das vítimas e a toda humanidade. 

 

Todos nós perdemos com tudo isso! Que Deus tenha misericórdia dessas almas inocentes e de todos nós.    


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: http://www.gazetadigital.com.br