Cuiabá, Segunda-feira 22/10/2018

Terra e Criação - A | + A

04.08.2014 | 10h10

Negócios e entretenimento num só lugar

Facebook Print google plus

Estamos no quinto dia da 50ª Exposição Internacional Agropecuária Industrial e Comercial de Mato Grosso (Expoagro). Considerada a maior feira do gênero do Centro-Oeste, a Expoagro Espetacular, denominação criada em alusão ao meio século de história da feira, novamente é palco de grandes eventos, entre eles rodeios, leilões e shows, realizados pelo Sindicato Rural de Cuiabá em parceria com o Grupo Gazeta de Comunicação. A expectativa é que mais de 300 mil visitantes passem pelo Parque se Exposições Senador Jonas Pinheiro, em Cuiabá. Quanto ao faturamento, o que se espera é a movimentação R$ 40 milhões, sendo R$ 30 milhões em negócios e R$ 10 milhões nos leilões.

De acordo Ricardo Figueiredo de Arruda, presidente do Sindicato Rural de Cuiabá, tratam-se de cifras relevantes, já que o evento reúne entretenimento e oportunidades de negócios no mesmo espaço. O presidente diz ainda que diversos seguimentos como comércio de equipamentos agrícolas, carros, barcos, vestuário, bares, restaurantes, parque de diversão, animais de estimação, hotéis, agências de viagem, decoração e muitos outros devem fazer grandes negócios, direta e indiretamente, em função da Expoagro.

Em relação à segurança das pessoas que vão ao parque de exposições, 300 homens estão trabalhando para garantir a tranquilidade no local. Conforme Vicente Falcão, diretor do Sindicato Rural de Cuiabá, este trabalho está sendo realizado de forma profissional e muito responsável por policias militares e civis, juizado especializado e seguranças particulares.

O objetivo é que a segurança atue para dar tranquilidade aos mais de 250 expositores e as 300 mil pessoas que devem visitar a feira nos dias de exposição. Foi firmada uma parceria com a Secretaria de Estado e Segurança Pública destacando que este ano a novidade está na tecnologia dos equipamentos. Foram instaladas câmeras de monitoramento, semelhantes aos usados na edição do ano passado, que não registrou nenhuma ocorrência. se espera é que esse clima se mantenha.

Além dos negócios, a diversão opções fica por conta da paixão dos cowboys, rodeio. Serão quatro noites de rodeio Super Bull, equipe que integra o circuito de Barretos, o maior do país, com 40 animais, 30 montarias, com a presença dos melhores peões e animais do país. De acordo com Celso Nogueira, vice presidente do Sindicato Rural, a escolha do melhor rodeio do país para esta edição histórica é uma homenagem aos apaixonados pelo esporte que, ao longo dos anos, prestigiaram a Expoagro.

As oportunidades de negócios, como por exemplo no setor de máquinas agrícolas, chama atenção de muita gente. Os estandes de máquinas agrícolas instalados no parque de exposições mostram o potencial de investimento dos empresários deste segmento. São tratores, colheitadeiras e implementos agrícolas de todos os tamanhos e variedades, das mais diversas marcas. Uma oportunidade para os produtores conhecerem os produtos e propostas em um lugar.

Segundo Walter Zacarkim, diretor da Vegrande revende tratores e colheitadeiras New Holland implementos para a agricultura e pecuária, em momentos como este a interação entre as empresas e os clientes acontece de forma mais natural, já que as pessoas vão ao parque para se divertir e fazer negócios. Contudo, conforme ele, no passado, em momentos difíceis em que o setor viveu, eles também estavam presentes por acreditarem na recuperação e no fortalecimento do agronegócio no Estado e no país. “Mesmo estando instalada em Várzea Grande, a Vegrande é pioneira na Expoagro e fazemos parte deste meio século de existência do evento, isso em todos os momentos”.

Um dos visitantes do estande da empresa no primeiro dia da Expoagro foi prefeito de Várzea Grande, Wallace Guimarães. Segundo ele, os empresários do município vizinho, seja do ramo da agricultura, como pecuária e implementos agrícolas, todos os anos estão presentes em função da sua representatividade. “A Expoagro é uma feira de Mato Grosso, todos nos sentimos orgulhosos por estes 50 anos de existência. O Grupo Gazeta e o Sindicato Rural de Cuiabá estão de parabéns pela organização e divulgação das atrações da feira e do que ela representa”.

Ainda em relação às máquinas agrícolas, a Agrofito, empresa com sede em Rondonópolis, região Sul do Estado, revendedora da Casa IH, participa este ano pela primeira vez da Expoagro, mesmo sem ter uma revendedora na Capital. Segundo o coordenador de marketing da empresa, Renato Brito, o objetivo é ampliar as possibilidades de negócios com os municípios da Baixada Cuiabana.

A empresa tem revendas também em Primavera do Leste, Campo Verde e Paranatinga, e nessas localidades o portfólio de tratores e máquinas agrícolas já são bem conhecidos. “Recebemos o convite do Sindicato Rural de Cuiabá e não pensamos duas vezes em trazer nossos produtos para a Expoagro. Já se sabe que a plantação de grãos está chegando aos municípios da Baixada, o que significa boas oportunidades de bons negócios”.

A 50ª Expoagro prossegue até o dia 10 de agosto.

Acompanhe o GD também pelo Twitter: @portalgazeta

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

Qual sua opinião sobre a influência das redes sociais e WhatsApp nessas eleições?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 22/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 23,30 -2,51%

Algodão R$ 95,99 -1,47%

Boi a Vista R$ 137,00 5,79%

Soja Disponível R$ 69,60 -0,71%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.