Cuiabá, Quinta-feira 24/01/2019

Tevê - A | + A

08.01.2006 | 03h00

Band exibe a novela Mandacaru, da extinta Manchete

Facebook Print google plus

Nos anos 80 e 90, a Manchete popularizou o slogan A televisão do ano 2000. A emissora fundada por Adolpho Bloch, porém, saiu do ar em 1999 e não viu o novo milênio. Sete anos depois, a Manchete volta à ordem do dia. Recentemente, a Globo comprou os direitos sobre texto que Benedito Ruy Barbosa fez para a novela Pantanal, um dos maiores sucessos da emissora.

E mais: encorajada pela boa repercussão da reexibição de Xica da Silva no SBT, a Band resolveu também reprisar Mandacaru, novela produzida pela Manchete em 1997. A estratégia visa inaugurar, a partir do dia 9, o segundo horário de novelas da emissora, às 22 h. "Este novo horário será destinado a novelas voltadas para o público adulto. Mandacaru é uma realização de alta qualidade, com um elenco de primeiro nível e a direção sempre extraordinária de Walter Avancini", enumera Juca Silveira, diretor artístico da Band.

Com 259 capítulos, Mandacaru tornou-se a mais longa novela da Manchete e a última a ir até o fim. Depois dela, Brida não chegou sequer a ser concluída - terminou com fotos dos personagens e uma voz em off dizendo o que aconteceu com cada um. A trama de Mandacaru foi escrita por Carlos Alberto Ratton a partir do romance Dente de Ouro, de Menotti del Picchia, e gira em torno do cangaço. "Só quero saber quando é que vai sair o meu?", brinca o autor. Ratton, porém, não chegou até o final da trama. Pediu dispensa antes, por volta do capítulo 162º, alegando estafa. Em seu lugar, entrou Calixto de Inhamus, hoje contratado do SBT. "Cheguei na Manchete às 14 h para trabalhar como dialoguista em Mandacaru. Às 19 h do mesmo dia já era o redator final", lembra Calixto.

A trama de Mandacaru tem início em 1938, ano da morte de Virgulino Ferreira, o Lampião, na fictícia Jatobá. Logo no primeiro capítulo, Avancini reconstruiu a cena da morte de Lampião e Maria Bonita, interpretados pelos cantores Alceu Valença e Daniela Mercury, em película 35 mm e em preto & branco. Em seguida, narrou a história de Tirana, um dos remanescentes do bando, personagem de Victor Wagner, que luta para manter vivo o sonho do cangaço. Com Mandacaru, Wagner protagonizava sua terceira novela consecutiva - as duas outras foram Tocaia Grande, de 1995, e Xica da Silva, de 96. Apesar de sua pouquíssima experiência, Victor Wagner tornou-se um dos favoritos de Avancini. "O cara me deu tudo o que tenho na vida. Foi quase um pai para mim", garante, emocionado.

A certa altura, Tirana resolve se vingar de um poderoso latifundiário de Jatobá, Honorato, interpretado por Jonas Mello, e seqüestra a sua filha, Juliana, vivida por Carla Regina. O que ninguém esperava, porém, é que a moça se apaixonasse pelo raptor. A exemplo de Wagner, Carla também vinha de Tocaia Grande e Xica da Silva. Em Mandacaru, no entanto, interpretou a primeira protagonista da carreira. "Uma das muitas coisas que o Avancini me ensinou foi a não ter estrelismo. Em Mandacaru, por exemplo, cansei de cair do cavalo, ficar com galo na cabeça e me arrebentar inteirinha. Essa foi a minha escola!", orgulha-se a atriz. As gravações em Paulo Afonso, no sertão baiano, não foram das mais fáceis. Além de enfrentar uma temperatura de 35 graus, o elenco era obrigado a acordar às 4 h da madrugada e viajar três horas até as locações.

Dois personagens que também se destacaram em "Mandacaru" foram Aquiles e Zebedeu, interpretados por Murilo Rosa e Benvindo Siqueira respectivamente. O primeiro é um tenente disposto a tudo para acabar com o banditismo na região. Já o segundo, um cangaceiro tresloucado que ambicionava assumir o poder em Jatobá. Bem-humorado, Benvindo Siqueira lembra do método pouco ortodoxo utilizado por Avancini para se livrar dos atores que, por algum motivo, o contrariavam. "Em Mandacaru, só com dinamite e espingarda, matei para mais de 40. Chegava lá e dizia: "Bom-dia, fulano, tudo bem? Não me queira mal que eu só sei querer bem, mas...". Em seguida, explodia o sujeito", recorda, às gargalhadas.

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Qual sua opinião sobre a presença de tantos militares no novo governo?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 24/01/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 23,50 -0,84%

Algodão R$ 96,35 0,69%

Boi a Vista R$ 132,25 0,19%

Soja Disponível R$ 71,90 1,27%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.