Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 19/08/2019

Celebridades - A | + A

'Fiquei velho' 10.08.2019 | 11h25

Osmar Santos celebra 70 anos sem perder irreverência

Facebook Print google plus

Edu Garcia/R7

Edu Garcia/R7

Uma terça-feira de rotina em um escritório de três salas, próximo aos Jardins, em São Paulo. Atenciosa, a secretária encaminha o visitante para uma das salas. Na outra, ainda ocupado, está o narrador Oscar Ulisses, irmão do locutor Osmar Santos, o entrevistado.

 

Ao entrar, sentado à beira de uma mesa de reuniões, que toma boa parte da sala, o visitante vê Osmar sentado em tranquilo silêncio. Uma serenidade aprimorada com o passar do tempo. No dia 28 de julho, o famoso radialista completou 70 anos. Conhecido como "Pai da Matéria", ele agora tem idade para ser avô.

 

A sensação do visitante, nestes instantes, é a de estar captando a intimidade da família. Na sala ao fundo, está o outro irmão de ambos, Osório, que, após atuar como executivo em grandes empresas, se tornou psicanalista. É o único que não trabalhou no rádio. O mais novo, Odinei, mora em Portugal.

 

A conversa com Osmar flui mesmo com poucas palavras. O sorriso é quase permanente em seu rosto. É natural, da própria personalidade dele, a mesma bem-humorada do tempo em que ele era um narrador consagrado, genial, com um raciocínio rápido e criador de bordões populares, como "Ripa na chulipa, pimba na gorduchinha", "Iiii quiii gooooollll..." e tantos outros.

“Veeelhooo”, brinca ele, a respeito dos seus setenta anos. Mas se refere com satisfação às várias comemorações desta data. “Óóótimo.” 

 

Na conversa, Osmar vai mostrando, com seu vocabulário restrito, o quanto as palavras, que fluíam em frases seguidas e rápidas, tanto quanto o "tiruliruli tirulirulá", podem ser substituídas pelo olhar. Pela entonação. Pela presença do sorriso. Da vida, ele sempre procurou ressaltar o lado construtivo. Lamentar-se nunca foi seu forte.

 

E, neste momento em que o futebol brasileiro vive um período de baixa, a primeira coisa que ele falou sobre futebol foi: "Kakááá...", em tom de exaltação. Inicialmente, a compreensão parece difícil.

 

Mas não é. Ele sabe muito bem o que diz. E estava falando, da forma que consegue, o nome de Kaká como um representante do São Paulo, na linda festa de apresentação de Daniel Alves, ocorrida na véspera. E que, na visão dele, é importante para impulsionar não só o São Paulo como o futebol brasileiro. Então ele completa, com gesto de positivo. "Boniiiiitoo..."

 

Ao ser fotografado na entrevista, ele irradia alegria cada vez que grita “Iiii quiiii goooooooool”, como fazia antigamente. Os três ouvintes, naquelas quatro paredes, eram privilegiados, vendo um ícone da narração desfilar seu talento só para eles. Sua alma vibrante, quando acesa, se mostra intacta.

 

Em 22 de dezembro próximo, completam-se 25 anos do acidente sofrido por Osmar. Sua fala ficou comprometida, assim como os movimentos do lado direito. Nascido em Osvaldo Cruz (SP) ele estava em Marília, cidade próxima, onde passou boa parte da infância, e ia para Birigui, participar de uma confraternização entre funcionários de uma concessionária de sua propriedade.

 

Pensava em voltar para Marília no dia seguinte, para passar o Natal com seus pais. Mas, no caminho para Birigui, durante chuva, sua Mercedes Benz bateu em um caminhão, cujo motorista, embriagado, fazia uma manobra irregular.

 

O carro quase não sofreu avaria, mas o vidro quebrado atingiu a cabeça dele. Osmar sofreu fratura e perdeu massa encefálica. Faz até hoje fisioterapia e todas as atividades necessárias para evoluir cada vez mais. A sua recuperação até aqui é considerada um feito pelos médicos.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Já começaram as discussões para as eleições municipais de 2020. Você pretende acompanhar?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 19/08/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,80 -0,75%

Algodão R$ 99,24 -0,32%

Boi a Vista R$ 135,63 0,00%

Soja Disponível R$ 64,70 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.