Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 19/11/2019

Fogo Cruzado - A | + A

01.11.2019 | 14h48

Denúncia contra vereador faz Câmara de Cuiabá passar por novo vexame

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

Câmara de Cuiabá passa por novo vexame após vir à tona a denúncia assédio de uma ex-servidora da Secretaria Municipal de Saúde contra vereador Adevair Cabral (PSDB).

 

Desde quinta-feira (31), quando o assunto chegou ao conhecimento da imprensa, o vereador tem se recusado a falar sobre o assunto. 

 

Assédio e importunação sexual foram as denúncias contra o tucano entregues a um vereador, desafeto de Cabral. 

 

Esté é o segundo caso registrado na Câmara de Cuiabá envolvendo parlamentar. O vereador Chico 2000 (PL) também foi acusado de assediar a enteada. Ele, inclusive, chegou a ser preso. Chico nega a acusação. 

 

 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

renato santos - 06/11/2019

Câmara de Cuiabá , cabide de empregos, só isso.

Leo Figueiredo - 05/11/2019

Pq nao está Preso ....?

2 comentários

1 de 1

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O que você pretende fazer com o 13º salário?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 19/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,30 -2,40%

Algodão R$ 92,91 0,15%

Boi a Vista R$ 135,72 -0,45%

Soja Disponível R$ 65,30 0,31%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.