Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 11/08/2020

Fogo Cruzado - A | + A

15.05.2020 | 11h25

Prefeitura volta atrás e fará licitação para contratar TV para transmitir aulas

Facebook Print google plus

Divulgação

Divulgação

Após denúncia de direcionamento em contratação sem licitação, a Prefeitura de Cuiabá resolveu fazer um edital para contratar, legalmente, uma emissora de televisão para atender os alunos da rede pública da capital, com a transmissão de aulas, durante o período da pandemia. 

 

A TV Mais havia sido contratada por R$ 539 mil, conforme divulgação no Diário de Contas do Estado. Na denúncia feita ao Ministério Público Estadual, o vereador Felipe Wellaton (Cidadania), oposição ao prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), aponta relação de proximidade entre o secretário municipal de Educação, Alex Vieira Passos, com a família Galindo, que detém a concessão da tv.

 

Além da qualidade do sinal, o vereador questiona também a audiência da então TV escolhida pela gestão municipal.

 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 11/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,80 -0,65%

Algodão R$ 92,42 0,38%

Boi a Vista R$ 127,75 -0,58%

Soja Disponível R$ 70,00 0,57%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.