Publicidade

Cuiabá, Sábado 08/08/2020

Brasil - A | + A

ALBERT EINSTEIN 04.07.2020 | 18h11

Zé de Abreu é condenado a pagar R$ 20 mil a Hospital Albert Einstein

Facebook Print google plus
R7 Notícias

Divulgação

Divulgação

Zé de Abreu foi condenado pela 3ª Câmera de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar R$ 20 mil ao Hospital Israelita Albert Einstein após publicar nas redes sociais comentários ofensivos à instituição. A quantia está relacionada a título de danos morais.


De acordo com os autos, o ator compartilhou mensagem alusiva ao atentado sofrido pelo presidente Jair Messias Bolsonaro, em que dizia que o ataque teria sido planejado pelo serviço de inteligência do Estado de Israel com apoio do hospital. Na ocasião do fato, após repercussão negativa do comentário, Abreu apagou a postagem.

 

Maria do Carmo Honório, relatora do recurso, afirmou que as palavras de Zé Abreu, que é pessoa pública, com milhares de seguidores nas redes sociais, ajudou na repercussão negativa no caso. A magistrada afirmou ainda que o artista tinha que ter tomado mais cautela em suas falas. "Em que pese a liberdade de manifestação e expressão ser garantida constitucionalmente, este direito não é absoluto ou ilimitado. Todo cidadão, ao se manifestar, deve ter em mente que eventual excesso deve ser coibido, ainda mais ao imputar falsamente fato definido como crime a quem sabe que não cometeu”, escreveu.

 

O desembargador Carlos Alberto Salles afirmou que Zé de Abreu "produziu verdadeira desinformação, ou seja, um conteúdo falso, disseminando-o intencionalmente ou correndo, de maneira consciente, o risco de causar danos”.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Após a reabertura dos shoppings, você voltou a frequentar como antes da pandemia?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 07/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,95 1,80%

Algodão R$ 91,40 -0,33%

Boi a Vista R$ 131,00 0,38%

Soja Disponível R$ 69,30 -0,86%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.