Publicidade

Cuiabá, Domingo 12/07/2020

Cidades - A | + A

Várzea Grande 30.05.2020 | 08h40

1ª fase da Orla da Alameda deve ser entregue em setembro

Facebook Print google plus
Eduarda Fernandes

eduarda@gazetadigital.com.br

Prefeitura de Várzea Grande

Vistoria da Orla da Alameda em VG

 

Apesar da nova rotina imposta pela pandemia do coronavírus, as obras de construção e revitalização da Orla da Alameda Júlio Müller, em Várzea Grande, seguem em ritmo acelerado. Promessa de ser o novo cartão postal da cidade, a primeira etapa da obra deve ser entregue em setembro deste ano, mês em que a cidade celebra 72 anos de emancipação política e administrativa, segundo cronograma divulgado pela prefeitura.

 

A revitalização da Orla tem previsão para ser concluída no segundo semestre deste ano e vai receber R$ 17 milhões de investimento. A prefeita Lucimar Sacre de Campos, durante visita técnica às obras, disse que já tem os recursos garantidos, projeto aprovado e licenças outorgadas. "Essa obra vai dar a esta região uma valorização imobiliária sem precedentes, vai se tornar um atrativo para toda a cidade e para quem passa por Várzea Grande. Até a obra pronta, empregos estarão sendo gerados e muitas famílias terão sua renda assegurada por meio dessa iniciativa”, comentou.

 

Leia também - Prefeito de Barra do Garças libera bares e academias

 

Prefeitura de Várzea Grande

Vistoria da Orla da Alameda em VG

 

Estima-se que a obra gere entre 1,8 mil a até 3 mil empregos diretos e indiretos, o que é significativo neste momento de dificuldades e desaceleração econômica. Nesse momento, as obras estão focadas no muro de gabião, intervenção necessária para conter a erosão da margem do rio Cuiabá, que faz limite com a via. Esse tipo de edificação, o muro de gabião, é produzido com malha de fios de aço doce recozido e galvanizado, em dupla torção, amarradas nas extremidades e vértices por fios de diâmetro maior.

 

São preenchidos com seixos ou pedras britadas. Essa parte do trabalho é tida como "pesada" e emprega muito maquinário, o que contribui para aplicação das normas de higienização e de distanciamento entre os trabalhadores. Para esta etapa foi necessária ainda o bloqueio total da avenida, ação que se seguirá até setembro. “Nossa intenção é entregar o projeto o mais rápido possível para o várzea-grandense. No entanto, não abrimos mão da qualidade e da segurança dos trabalhadores, técnicos e engenheiros que passam e passarão pela obra”.

 

A obra

O empenho na transformação do local tem dois grandes objetivos: resolver a erosão, um problema ambiental que a região enfrenta e que já vem tomando conta de uma extensão considerável da margem várzea-grandense do rio Cuiabá e, por outro lado, o poder público municipal cria mais um espaço de convivência e de referência para as famílias, na principal porta de entrada à cidade, explica a prefeita.

 

 

Prefeitura de Várzea Grande

Vistoria da Orla da Alameda em VG

 

O projeto prevê a reurbanização, revitalização e recuperação de 700 metros de extensão às margens do rio Cuiabá. O projeto da "Orla da Alameda Júlio Muller" tem início na Avenida da FEB, junto à ponte Júlio Muller e se estende até a rua Sebastião dos Anjos, uma das principais vias do bairro Alameda. O complexo abrigará lanchonetes, pergolados, escadas, rampas de acesso, parque infantil, pista de caminhada, mirante, centro cultural, auditórios, sanitários, bancos e calçadões por toda sua extensão. O projeto arquitetônico sustentável está distribuído em dois níveis, um mais próximo ao rio e outro no nível da rua, com espaços voltados à contemplação do rio e da natureza ao redor. (Com informações da assessoria)

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Você acredita na eficácia das barreiras sanitárias implantadas em Cuiabá?

Parcial

Edição digital

Domingo, 12/07/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25,45 0,20%

Algodão R$ 90,17 0,23%

Boi a Vista R$ 130,63 0,12%

Soja Disponível R$ 58,30 -0,85%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.