Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 12/12/2019

Cidades - A | + A

Comércio popular 03.11.2019 | 15h50

Caneta preta, água, doce e até açaí; vendedores ambulantes aproveitam Enem para renda extra

Facebook Print google plus

Luiz Leite

Luiz Leite

Local com aglomeração de pessoas é lucro certo para os vendedores ambulantes. Dezenas deles aproveitaram para lucrar no primeiro dia de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no domingo (3). Para conseguir um espaço em frente o maior local de provas de Cuiabá, os ambulantes precisaram dormir na avenida Beira Rio. 

 

Os locais foram "marcados" no sábado (2). A maioria dos vendedores passaram a manhã em frente aos cemitérios e na tarde de sábado foram marcar o espeço em frente na avenida Beira Rio. Eles vendiam caneta preta com tubo transparente por R$ 2, uma garrafa de água por R$ 3 ou duas por R$ 5. O chiclete curtava R$ 0,50 e R$ 1 o pirulito. Pra quem queria um açaí os valores começavam em R$ 5. 

 

Leia também - Enem não registra atrasados no maior local de provas de MT

 

Aderlan Furtado, 23, conta que vendeu 20 caixas de água e 200 salgados, chegando a quase acabar com todos os produtos que levou. "Chegamos aqui ontem, marcamos o espaço, dormir um pouco em casa e já vim pra cá 4h da manhã. Vendemos quase tudo, a caneta saiu menos e semana que vem estaremos novamente, graças a deus nós vendemos bem". 

 

Porém, conseguir local privilegiado para as vendas não é coisa de novato. Aderlan e sua família fazem ponto no local deste de 2014. 

 

Luiz Leite

Enem 2019 - Unic

 

Exibindo com orgulho seu crachá de ambulante de alimentos da prefeitura de Cuiabá, Anderson Barros de Souza, destacou que eventos como esse mostram que há espaço para quem quer trabalhar. Com o apoio da família nas vendas, ele trouxe 10 fardos de água e 8 fardos de refrigerante. "Ontem eu vendi muita vela no cemitério Bom Jesus de Cuiabá e hoje estou aqui vendendo água, doces, refrigerante, tem espaço para quem trabalha. Eu conto com o apoio da minha mulher nas vendas e tem dado certo". 

 

Anderson passa até cartão de crédito nas vendas, usou sua máquina para vender no sábado e usou novamente nos domingos com os concorrentes do Enem. "Usar a maquininha ajuda nas vendas".

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Sobre o aumento no número de casamentos gays no Brasil no último ano

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 12/12/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,46 -0,53%

Algodão R$ 119,75 0,53%

Boi a Vista R$ 129,65 0,05%

Soja Disponível R$ 66,05 0,26%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.