Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 13/08/2020

Cidades - A | + A

recurso federal 05.06.2020 | 09h18

CGE abre auditoria para apurar caso dos alimentos vencidos

Facebook Print google plus
Eduarda Fernandes

eduarda@gazetadigital.com.br

A Gazeta

A Gazeta

A Controladoria Geral do Estado (CGE) determinou a realização de auditoria sobre a aquisição dos alimentos que estavam armazenados os depósitos da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), em Cuiabá, com data de validade vencida.

 

Os alimentos foram adquiridos com recursos do governo federal, na ordem de R$ 278,1 mil, através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), e deveria ser distribuídos para as Escolas Técnicas Estaduais (ETEs).

 

Leia também - Ainda não há responsável por alimentos vencidos, afirma secretário de Mendes

 

De acordo com a ordem de serviço assinada pelo secretário controlador-geral do Estado, Emerson Hideki Hayashida, na quarta-feira (3), dois auditores foram designados para “realizar auditoria na aquisição de bens de consumo - Kit Lanche Pronatec, objetivando levantar indícios de responsabilidade pela perda do bem devido ao vencimento”.

 

A auditoria atende solicitação do secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Informação Nilton Borges Borgato e orientação técnica da própria CGE. Conforme o documento, a ordem de serviço dá aos auditores livre acesso a todas as dependências e a quaisquer documentos e informações necessários para realização dos referidos trabalhos.

 

O resultado do trabalho deve ser apresentado até o dia 30 de junho.

 

Entenda o caso

O teve acesso a imagens do estoque de alimentos com as respectivas datas de validade expiradas. A Seciteci informou que a compra ocorreu em 2018, em quantidade acima do necessário, e os alimentos só começaram a ser distribuídos em março de 2019, após um período de suspensão das aulas, quando os lotes já estavam vencendo.

 

Diante da situação, o Ministério Público Federal (MPF) abriu inquérito para investigar o caso. Como os alimentos foram comprados com recursos federais, a investigação é conduzida pela Polícia Federal.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 13/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,51 -6,87%

Algodão R$ 94,35 0,70%

Boi a Vista R$ 133,75 0,75%

Soja Disponível R$ 67,60 1,50%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.