Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 17/09/2019

Cidades - A | + A

Desapareceu na aldeia 05.09.2019 | 10h36

Criança indígena morre afogada e família espera 24h por necropsia

Facebook Print google plus

Reprodução/Juína News

Reprodução/Juína News

Um menino de 6 anos, da etnia Rikibaktsa, morreu afogado após desaparecer da aldeia Divisa Marcolino, no município de Juara (735 km a noroeste de Cuiabá). Além do sofrimento com a morte da criança, após 7 dias do desaparecimento, os familiares tiveram que esperar mais de 24 horas pela liberação do corpo, por causa da falta de profissionais no Instituto Médico Legal (IML).

 

Segundo a Fundação Nacional do Índio (Funai) em Juína (735 km a noroeste), o menino estava desaparecido desde 27 de agosto e só foi encontrado uma semana depois, na terça-feira (3). O corpo estava às margens de um rio e a suspeita é que a criança tenha morrido afogada.

 

Leia também - Conselho Tutelar fiscaliza crianças venezuelanas em semáforos

 

Depois das buscas pelo menino, que envolveram toda a aldeia, o corpo foi levado para o IML de Juína pelo carro da Funai, pois não havia viatura para buscar a vítima, que se encontrava em avançado estado de decomposição.

 

De acordo com a Funai, o corpo chegou ao IML na noite de terça-feira, porém, não havia profissionais para realizar a necropsia. Indignados, os familiares precisaram esperar até a noite de quarta-feira (4) pela liberação do corpo, para que pudesse ser levado para aldeia para enterro.

 

Outro lado
A assessoria de imprensa da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) informou que na noite em que o corpo da criança deu entrada no IML a equipe havia sido acionada para atender uma ocorrência em Aripuanã (1.002 km a noroeste) e só conseguiu voltar na manhã de quarta.

 

Assim que a equipe chegou foi realizada a necropsia e o corpo liberado. O IML em Juína possui duas técnicas em necropsia e uma está de férias. Como a servidora precisou ir a Aripuanã, o médico não tinha condições de fazer a necropsia.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Sobre o aumento de 600% no número de casos de dengue no Brasil é mais correto dizer que:

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 17/09/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,50 0,94%

Algodão R$ 99,52 -0,31%

Boi a Vista R$ 133,88 -0,09%

Soja Disponível R$ 66,61 -0,43%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.