Publicidade

Cuiabá, Domingo 20/09/2020

Cidades - A | + A

sos pantanal 16.09.2020 | 16h40

Crise ambiental é a pior dos últimos 50 anos, afirma ministro

Facebook Print google plus

Mayke Toscano

 Mayke Toscano

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, admitiu que a crise ambiental vivida em Mato Grosso é a pior dos últimos 50 anos. Ele esteve em Cuiabá, na manhã desta quarta-feira (16), para oficializar repasse de R$ 10,1 milhões para combate ao incêndio no Pantanal. Além de anunciar o recurso, o ministro informou que está num árduo trabalho junto ao governo do Estado para elaborar medidas de prevenção para que o cenário atual não se repita.


Leia também - Exército gera impasse para combate no Pantanal

 

“Estamos vivendo uma das piores crises relacionada ao clima dos últimos 50 anos, fora do padrão de normalidade do próprio Pantanal tem atravessado”, enfatizou.


Marinho destacou o empenho do Estado no combate aos incêndios e informou que o governo federal está inteiramente disponível para ajudar no que for preciso. Também comentou a expectativa de chuva para os próximos dias, que trará alívio para a situação.


“O governo do estado já fez um grande esforço e continua fazendo na questão dos brigadistas, dos equipamentos, na contratação de horas de voos, regimentarão e organização das diversas entidades. Isso passa ter apoio mais decisivo do governo federal, não que já não estivesse ocorrendo. Agora estamos aportando recursos, através da defesa civil, para que esse combate seja potencializado”, destaca.


O fogo no Pantanal começou no fim de julho e se alastra por grandes áreas da planície alagada. Por onde passa, o fogo consome a flora e deixa rastro de animais mortos ou agonizantes. Organizações Não Governamentais (Ongs) de proteção animal atuam na arrecadação de recursos para regatar e tratar dos bichos feridos.


“Esperamos chuvas nos próximos dias, encerrando um ciclo natural e isso nos traz um alívio. Estamos buscando adotar medidas que previnam situações como essas, que nos lembrem a situação vivida. Precisamos preservar esse patrimônio da humanidade que é p Pantanal”, destaca.

 

O ministro afirma que o repasse só foi possível após o decreto de calamidade publicado pelo Estado de Mato Grosso, na segunda-feira (14). Comenta que ação foi célere e o recurso liberado em 24 horas.

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Onze candidatos disputam o Senado, você acha que o número amplia o leque de propostas ou mostra a desunião da classe política?

Parcial

Edição digital

Domingo, 20/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 17,00 -3,41%

Algodão R$ 94,18 0,11%

Boi a Vista R$ 132,00 0,00%

Soja Disponível R$ 79,20 -1,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.