Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 18/09/2020

Cidades - A | + A

MORADIA POPULAR 07.08.2020 | 18h03

Entrega do Residencial Nico Baracat II será realizada até o fim de agosto

Facebook Print google plus

Chico Ferreira

Chico Ferreira

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária, informou que a entrega do Residencial Nico Baracat II será realizada até o fim deste mês. Segundo a assessoria, a gestão segue em tratativas junto à Caixa Econômica Federal, que é responsável pela coordenação do programa Minha Casa Minha Vida e a finalização de trâmites burocráticos.

 

Somente após a finalização destes procedimentos é que será definida data de entrega do residencial Nico Baracat II. A gestão Emanuel Pinheiro entende a situação das famílias que aguardam há anos por uma casa e por isso tem trabalhado para destravar as obras, finalizar e entregar o residencial.

 

Leia também - Três irmãos morrem de covid-19 no intervalo de um mês

 

“Mesmo não tendo obrigação, assumi o compromisso com a população de lutar pela entrega dos residenciais Nico Baracat II e III, já que se trata de um programa habitacional Federal. Para isso, buscamos recursos financeiros, parceria com o deputado Federal Emanuel Pinheiro Neto, aprovamos na Câmara. Mas ainda necessitamos aguardar a autorização da Caixa Econômica Federal, é ela a responsável pelo programa Minha Casa Minha Vida”, pontuou o prefeito Emanuel Pinheiro.

 

A entrega da segunda etapa, com 443 casas deve acontecer até o fim do mês de agosto, de maneira gradual, para grupos de 50 pessoas, garantindo o cumprimento das medidas de biossegurança e distanciamento mínimo, de maneira que não aja aglomeração, em decorrência da pandemia do novo Coronavírus. O cronograma de entrega será divulgado pela Prefeitura de Cuiabá nos canais de comunicação oficial.

 

“Em junho de 2019 o prefeito Emanuel Pinheiro entregou o Nico Baracat I e, solidário como sempre, se comprometeu a lutar pela entrega do Nico II.  A gestão tem dialogado com a Caixa para auxiliar no que é possível, pois é solidária a situação das famílias que aguardam pela casa própria. O que era de responsabilidade da Prefeitura foi feito: urbanização e duplicação da via de acesso ao Residencial e também a triagem das famílias no processo documental”, declarou o secretário de Habitação e Regularização Fundiária, Air Praeiro.

 

O mutirão para finalização do residencial contou com a parceria da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Secretaria de Obras Públicas, Águas Cuiabá, Energisa e Caixa Econômica Federal.

Em novembro de 2019, o executivo municipal conseguiu a aprovação da Câmara para realizar aporte de recursos no valor de R$ 5 milhões para a finalização e entrega dos Residenciais Nico Baracat II e III.

 

A conquista foi fruto de ação do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro e do deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, que trabalhou em Brasília nas negociações junto ao Governo Federal e Caixa Econômica Federal. A proposta havia sido assinada pelo prefeito no dia 21 de outubro e sido encaminhada à Casa de Leis Municipal de Cuiabá logo em seguida para votação.

 

Há sete anos foi assinado o contrato para a construção do residencial Nico Baracat. Desde que assumiu o mandato, em 2017, Emanuel Pinheiro estabeleceu como uma das prioridades, destravar o processo junto ao Governo Federal para concretizar a entrega das chaves às famílias contempladas.

 

Em 17 de junho de 2019, a Prefeitura de Cuiabá e a Caixa Econômica Federal entregaram cerca de 400 casas do Residencial Nico Baracat I. Já o Residencial Nico Baracat III segue com as obras de acordo com as recomendações de biossegurança, assim como o atendimento dos sorteados, que está sendo realizado por agendamento para finalização do processo de análise de documentos.

 

O residencial está inserido no programa “Minha Casa, Minha Vida”, que tem diretrizes próprias e é coordenado pelo Ministério das Cidades e Caixa Econômica Federal, em parceria com a Prefeitura de Cuiabá.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Denúncias de mulheres contra agressores demoram vir à tona por conta de posição social?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 18/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,35 -0,73%

Algodão R$ 92,80 -0,30%

Boi a Vista R$ 136,33 0,06%

Soja Disponível R$ 65,00 0,31%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.