Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 30/09/2020

Cidades - A | + A

RESIDENCIAL SANTA BÁRBARA 28.07.2020 | 15h43

Mais de 1,4 mil apartamentos novos são entregues em VG

Facebook Print google plus

Tchélo Figueiredo/Secom-MT

Tchélo Figueiredo/Secom-MT

O sonho de ter a casa própria agora é realidade para 1.424 famílias que viviam em situação de vulnerabilidade e em áreas de risco em Várzea Grande. Elas conquistaram o direito à moradia no residencial Santa Bárbara, inaugurado nesta terça-feira (28) com a união de esforços do Governo Federal, por meio da Caixa Econômica Federal, do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal.

 

A inauguração foi realizada na sede do empreendimento e contou com a presença do representante da Secretaria Nacional de Habitação, Helder Melillo, do secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, que representou o governador Mauro Mendes, e da prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos.

 

Leia também - Apostador de Cuiabá fatura R$ 1,9 mi na Lotofácil

 

Também estiveram presentes o superintendente da Caixa Econômica Federal, José Antônio da Silva, o senador Jayme Campos, entre outras autoridades, além de algumas das famílias beneficiadas, já que as entregas das chaves estão sendo feitas por etapas, para evitar aglomeração.

 

Tchélo Figueiredo/Secom-MT

Entrega residencial Santa Bárbara

 

Durante a inauguração, o secretário Marcelo de Oliveira destacou o empenho do governo do Estado junto à prefeitura para que a obra pudesse sair do papel após dois anos de paralisação. Foram quase R$ 10 milhões investidos pelo Estado para a retomada da obra e à sua conclusão, com a construção do sistema de tratamento de água e esgoto.

 

“Essa entrega é importante para o cidadão. Mais uma vez o Governo de Mato Grosso se mostrou presente quando foi necessário. Quando o governador Mauro Mendes assumiu, havia um débito nesse empreendimento. Nós resolvemos e a obra teve continuidade. Posteriormente, nos procuraram para que déssemos solução para o sistema de tratamento de esgoto, pois senão não adiantava entregar a casa sem o esgoto tratado. Mais uma vez fomos ao governador Mauro Mendes e ele imediatamente autorizou o repasse financeiro. Juntando os esforços, hoje essas famílias recebem esse presente”, disse o secretário.

 

O residencial Santa Bárbara está localizado no bairro Jardim Maringá II e conta com 1.424 unidades de apartamentos, em quatro etapas, com 18 prédios de cinco pavimentos, inclusive com área de lazer e estacionamento. Ao todo foram investidos R$ 130 milhões, entre recursos federal, estadual e municipal, à execução do empreendimento.

 

Tchélo Figueiredo/Secom-MT

Entrega residencial Santa Bárbara

 

Para a prefeita de Várzea Grande Lucimar de Campos, a entrega do residencial representa mais uma grande realização para os cidadãos várzea-grandenses que, além de uma moradia e de um ambiente sadio para viver, passam a ter conforto, qualidade de vida e segurança.

 

“Aqui as famílias estão recebendo o seu teto para morar e ter dignidade. É um condomínio muito grande e que a nossa população merece. Um residencial que conta, nos arreadores, com creches, escolas e postos de saúde para poder dar condição de vivência para cada uma dessas famílias. Isso é dar condição para que as pessoas tenham vida com dignidade. Aqui não é daqueles residenciais que se entregam e não tem nada”, afirmou.

 

Os apartamentos fazem parte do programa “Minha Casa, Minha Vida” e são destinados a famílias que possuem renda de até R$ 1,8 mil e que não teriam condições financeiras de se enquadrarem em nenhum outro programa de financiamento, segundo o superintendente da Caixa, José Antônio da Silva.

 

“Nós temos poucos empreendimentos no país com essa qualidade. E é somente assim, com a união de esforços, que se viabiliza para as famílias de baixa renda. Aqui não é um empreendimento com financiamento em si. As famílias que moram neste tipo de empreendimento são famílias cuja renda não permite um financiamento. Elas não têm capacidade de financiamento e até problemas cadastrais. Então, se não fosse com o apoio do Poder Executivo, por meio da Caixa Econômica, do Governo do Estado e da Prefeitura de Várzea Grande, essas famílias não teriam acesso a esse empreendimento”, explicou.

 

Tchélo Figueiredo/Secom-MT

Entrega residencial Santa Bárbara

 

Somente de recursos investidos pela Caixa Econômica Federal foram R$ 93 milhões aportados no residencial Santa Bárbara. Segundo José Antônio, já foram empenhados R$ 1 bilhão do Governo Federal em diversos empreendimentos localizados em Mato Grosso apenas neste ano.

 

No país, o Governo Federal já destinou R$ 6 bilhões para possibilitar a entrega de 600 mil moradias, informou o representante da Secretaria Nacional de Habitação, Helder Melillo. “Nós trabalhamos diariamente para chegar nesse momento. O momento de hoje é a efetivação da política pública. Quando entregamos a chave para uma família é um momento em que todos aqueles anos de trabalho e investimentos, é realizado. Esse é um momento em que temos a chance de recuperar a dignidade das famílias que mais precisam”, garantiu.

 

Para o senador Jayme Campos, o residencial Santa Bárbara é o maior conjunto habitacional construído no Brasil em um local só, e a concretização de um esforço árduo em prol daqueles que mais precisam.

 

“Tenho a convicção absoluta de que a melhor política pública desse país e na qual verdadeiramente fazemos a inserção social é dar a oportunidade para que o cidadão tenha sua casa própria para morar. Vivemos uma crise sem precedentes. Mas é uma dádiva que Deus está dando hoje, de poder entregar as chaves a essas famílias”, encerrou o senador.

 

Entre as famílias beneficiadas com a nova moradia está a de Dalva Ferreira, que há mais de 40 anos sonha em ter a casa própria para viver com o marido. Hoje eles moram em uma chácara localizada na Rodovia dos Imigrantes, onde trabalham como caseiros do local. "Se Deus quiser muito em breve estaremos morando aqui, no nosso apartamento. É muita alegria. Uma recompensa que Deus me deu após 42 anos de casada, finalmente ter minha casa", comemorou.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Na sua opinião, por que tantos candidatos milionários querem entrar na política?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 29/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,20 -3,90%

Algodão R$ 90,48 -0,33%

Boi a Vista R$ 136,67 -0,02%

Soja Disponível R$ 67,00 -1,18%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.