Publicidade

Cuiabá, Sábado 31/10/2020

Cidades - A | + A

Setembro amarelo 21.09.2020 | 10h23

Neurocientista alerta que é preciso mais que conversa para quem pensa em suicídio

Facebook Print google plus

Otmar de Oliveira

Otmar de Oliveira

O psicanalista e neurocientista Fabiano de Abreu alerta que, apesar da boa intenção, a “DM Aberta” além de poder não ajudar, pode até piorar a situação de quem pensa em suicídio. Por conta do Setembro Amarelo, campanha de prevenção ao suicídio, muitos usuários se colocam à disposição de quem precisar conversar e ter uma palavra amiga, mesmo sendo desconhecidos, porém, isso não substitui o profissional.

 

Fabiano de Abreu alerta, no entanto, que esta atitude não substitui um atendimento profissional. “Em alguns casos, somente uma mensagem positiva pode não ser suficiente e ainda piorar a situação de quem buscou ajuda, porque o outro pode não saber o histórico daquele alguém e seu quadro clínico”. Portanto, apenas boa vontade não é suficiente.

 

Leia também - Estudantes se unem e criam projeto contra assédio nas escolas de Cuiabá

 

O conselho do psicanalista ao ouvir que a pessoa pensa em suicídio é não deixá-la sozinha, mas enfatizar que somente um profissional poderá ajudar, argumentar e convencer quem sofre que apenas uma conversa não é suficiente.

 

“Quando há o pensamento ou a tentativa de suicídio, pode ser necessário o uso de medicamentos. Então, se faz essencial a procura de um psiquiatra”, enfatiza.

 

O profissional destaca que este Setembro Amarelo tem sido ainda mais importante, pois o isolamento social imposto pela pandemia tem aumentado casos de ansiedade e depressão. Quanto mais grave, mais difícil é procurar ajuda, portanto, quem vê de fora deve fazê-lo.

 

“Muitas vezes, a fadiga resultante de disfunções hormonal e neural faz com que a pessoa não consiga procurar ajuda, sendo necessário que o outro se mova por ela. A fadiga mental confunde a razão fazendo com que a pessoa não entenda que precisa de ajuda”, explica o pesquisador.

 

Ele afirma que é necessário entender que ansiedade, estresse e depressão causam disfunções em mensageiros responsáveis pelo humor, sensações, emoções, e também pela memória e consciência. “Ou seja, pode ser que a pessoa nem saiba o que está fazendo ou não reconheça o problema”, ressalta.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com abertura do comércio, bares, igrejas e retomada de festas, você já retomou à rotina?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 30/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 63,20 1,61%

Algodão R$ 129,33 -0,69%

Boi à vista R$ 247,18 0,00%

Soja Disponível R$ 167,25 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.