Publicidade

Cuiabá, Sábado 28/03/2020

Cidades - A | + A

RESTITUIÇÃO DE POSSE 04.02.2020 | 11h03

Prefeito lamenta despejo de famílias trabalhadoras da comunidade Vale Abençoado

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

Atualizada às 21h24 - Cerca de 25 famílias foram despejadas da área conhecida como Vale Abençoado, situado em Santo Antônio do Leverger (34 km ao Sul) na manhã desta terça-feira (4). Os moradores estão no local há décadas e ali construíram suas vidas, agora não sabem para onde ir. O prefeito de Santo Antônio de Leverger, Valdir Pereira de Castro Filho (PSD), se manifestou sobre o assunto. Veja nota abaixo.

 

Leia também -MT e mais 21 estados são contra valor fixo do ICMS sobre combustíveis

 

Um vídeo encaminhado ao mostra a desolação das famílias, prestes a deixarem seus lares. Uma das moradoras mostra o filho, que nasceu e cresceu na comunidade. Lá a família tem plantio que garante o sustento de todos. Questionada para onde vai ao sair do local, a mulher afirma que “ainda não sabemos”.

 

Outra mulher chora ao contar que não tem para onde ir com os filhos. “Vamos para o meio da rua. Eu não penso só em mim. Tem muita gente que também não tem para onde ir. Se Deus não tomar parte disso eu não sei o que será de nós”, se desespera.

 

A mulher conta que muita gente não têm mais condições de conseguir emprego na cidade. Por isso, investem no trabalho na terra para sustentar os filhos.

 

De acordo com Bruno Soares Amorim, há cerca de 20 dias as famílias foram notificadas no despejo. Alguns deles se reuniram e contrataram um advogado para que os representa na Justiça para que consigam permanecer na terra. O primeiro pedido de limitar para anular a ordem de restituição foi negada.

 

“Quem não tem condições de contratar um advogado está desamparado. Hoje foi cumprida a decisão e os moradores estão sem saber o que fazer e para onde ir”, conta o rapaz.

 

Ainda não há informações sobre o destino das famílias.

 

Por conta de uma Lei que vigorou por pouco tempo em 2017, e redefiniu os limites de municípios, o Vale Abençoado pertenceu a Campo Verde (131 km ao Sul). Na época, o prefeito campo-verdense, Fábio Schroeter, atuou junto ao Governo do Estado, tanto no mandato do governador Pedro Taques quanto no do Mauro Mendes, para que o conflito agrário fosse, em nota encaminhada ao , o gestor lamentou que a situação tenha chegado a esse ponto.

 

Outro lado

A Prefeitura de Santo Antônio foi procurada, mas não atendeu ligações, nem respondeu as mensagens.

 

Nota de posicionamento do prefeito de Santo Antônio de Leverger 

 

Amanhã 80 famílias vão ser despejadas! Jogadas no olho da rua!

 

Desde 2015 acompanho e luto com os assentados do Vale Abençoado, foram muitas idas no Governo do Estado e Assembleia Legislativa, falamos com inúmeras autoridades da gestão passada e da atual gestão, debatemos, pedimos ajuda, clemência e nada foi feito. Nos levaram com a barriga, falsas promessas, nos enganaram, muita conversa bonita e pouca atitude.

 

São pessoas simples, mãos calejadas, trabalham a terra, tem suas criações, deram suas vidas para construir um lar e ter uma vida digna. Muitos nasceram e criaram lá, Vale Abençoado já tem filhos, identidade, são santo-antonienses igual a todos nós!

Juro por Deus que tentei, não por ser político, mas por ser gente, por ser humano, por ver nos olhos de cada assentado o desespero de perder tudo!

 

Faço essa publicação para tentar mais uma vez sensibilizar alguma autoridade do Governo Estado, Tribunal de Justiça, Assembleia Legislativa, sensibilizar as rádios, TV’s, sites, jornais, algum filho de Deus que possa ajudar!

Não consigo acreditar que mais uma vez vai predominar o rico sobre o pobre, o forte contra o fraco!

Vídeo

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Em relação às medidas adotadas pelas autoridades contra o coronavírus, você considera que:

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 27/03/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,45 0,78%

Algodão R$ 92,49 0,14%

Boi a Vista R$ 136,88 -0,81%

Soja Disponível R$ 70,00 -1,41%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.