Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 21/11/2019

Cidades - A | + A

saída para chapada e guia 30.12.2018 | 10h42

Prefeitura de Cuiabá será responsável por administrar nova trincheira

Facebook Print google plus

Otmar de Oliveira

Otmar de Oliveira

Durante a cerimônia de entrega da trincheira entre as rodovias Helder Cândia (Estrada da Guia/MT-010) e Emanuel Pinheiro (Estrada de Chapada/MT-251), na sexta-feira (28), o governador Pedro Taques (PSDB) passou a administração da obra para a Prefeitura de Cuiabá, através de um termo, que foi assinado pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), na ocasião. “Recebo e aceito essa obra com muito prazer em nome de todos os cuiabanos. Vamos lutar para mantermos essa estrutura servindo a toda comunidade”, afirmou.

 

Dessa forma, a Prefeitura ficará responsável pela manutenção da iluminação pública, paisagismo e do tráfego na trincheira.

 

A obra foi executada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) e receberá o nome do Engenheiro Roberto Flávio Abbott de Castro Pinto. A nova trincheira tem 7.311 m² e vai desafogar o trânsito e melhorar o acesso a bairros como Ribeirão do Lipa, Jardim Ubirajara e Despraiado, além de facilitar o acesso às cidades de Acorizal, Jangada, Rosário Oeste, entre outras da região Norte, bem como Chapada dos Guimarães, Campo Verde e a região Sul.

 

A obra recebeu investimentos de mais de R$ 25 milhões e conta com uma rotatória, onde está instalado o heliponto (área de pouso para helicópteros). Os recursos são do Prodestur, programa ligado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec).

 

“Se comparamos com os viadutos em relação a qualidade, beleza arquitetônica e visual esta obra que liga a capital a Chapada dos Guimarães e toda região Leste, Oeste e Sul do Brasil, é de tirar o chapéu. Em termos de mobilidade urbana, a valorização das saídas para os grandes centros “, elogiou o prefeito.

 

Paralelo à construção da trincheira, o governo do Estado está duplicando o perímetro urbano da rodovia da Estrada da Guia até o trevo de acesso ao Rodoanel, no total são 4,9 quilômetros, com investimentos de R$ 35 milhões. A rodovia terá uma ciclovia no canteiro central, três pistas de rolamento e iluminação em LED, assim como os serviços realizados na duplicação da Estrada da Chapada, onde foram investidos R$ 30 milhões.

“Esta trincheira está sendo entregue e também a saída para Chapada, a MT-251, da trincheira até a Fundação Bradesco, com iluminação. A saída da MT-010, da trincheira até o rodoanel, ainda será entregue. As duas pontes estão prontas, falta a cabeceira que não concluída porque no mês de novembro choveu muito em Mato Grosso e em Cuiabá. O volume de chuvas impossibilitou que realizassemos os trabalhos sem fazermos um aditivo”, explicou Taques.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

A liberdade do ex-presidente Lula vai dividir ainda mais o país?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 20/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,75 1,28%

Algodão R$ 90,78 -0,32%

Boi a Vista R$ 134,65 1,29%

Soja Disponível R$ 69,80 -0,29%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.