Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 13/11/2019

Cidades - A | + A

rodovia e hospital 13.10.2019 | 11h11

Prefeitura de São Félix inaugura pavimentação e o novo hospital municipal

Facebook Print google plus
Ana Flávia Corrêa

anaflavia@gazetadigital.com.br

Divulgação

Divulgação

Prefeita Janailza Leite

Hospital Municipal de São Félix do Araguaia ( 1.200 km a nordeste de Cuiabá) foi entregue à população durante solenidade neste sábado (12). Prefeitura inaugurou, também, a pavimentação da entrada da cidade, na MT-242. Solenidade integrou programação do 1º Encotnro Regional de Municípios, promovido pela Associação Mato-grossense dos Municípios. 

 

As inaugurações contaram com a presença do presidente da AMM, Neurilan Fraga, do senador Wellington Fagundes, do secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, deputados estaduais e prefeitos da região. 

 

De acordo com a prefeita Janailza Taveira, o hospital municipal era uma demanda antiga do município. Iniciada na gestão do ex-prefeito João Abreu (2004-2007), as obras foram retomadas na sua administração que, com o aporte de recursos próprios e do estado, conseguiu concluir o prédio. 

 

“Às vezes é mais fácil iniciar uma obra do zero do que retomar uma paralisada. Mas esse desafio nós deixamos para trás, para realizar esse sonho da população de Sâo Félix”, disse ela. 

 

O novo hospital contará com 40 leitos, clínica cirúrgica, médica, pediatria e ortopedia, além de dois centros cirúrgicos, box de emergência e laboratórios. Cerca de 70 profissionais atenderão os pacientes do município, de Luciara e Alto Boa Vista. A estrutura será gerenciada pelo Consórcio Intermunicipal de Saúde do Araguaia (Cisa). 

 

Durante a solenidade, o presidente da AMM destacou que a inauguração de um hospital é sempre um momento histórico. Para Fraga, o principal benefício do investimento é descentralizar o atendimento, levando especialidades a regiões desassistidas e evitando o deslocamento de pacientes para as cidades polos e a Capital. 

 

Neurilan ressaltou ainda que os municípios precisam de mais apoio do estado e do governo federal para  manter os serviços de saúde. 

 

“Já é difícil para o município realizar sozinho uma obra desse porte. O custeio do hospital, que conta com várias especialidades, pesa bastante para a prefeitura. Acredito que o governo do estado e a bancada federal estão sensíveis e ajudaram com recursos para a manutenção dos serviços”, afirmou. 

 

O senador Wellington Fagundes destacou a luta pela abertura de um curso de medicina na cidade de Barra do Garças para atender a região. Ele explicou que essa é a única região que ainda não possui uma faculdade na área e que isso impacta na oferta de mão de obra. 

 

“Os prefeitos do interior têm muita dificuldade para encontrar profissionais da medicina que fiquem no município. Por isso, a formação de profissionais da área é extremamente importante”, argumentou.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O fraco desempenho de um time de futebol é culpa do técnico ou jogadores?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 13/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,80 1,40%

Algodão R$ 91,47 -0,31%

Boi a Vista R$ 130,89 0,00%

Soja Disponível R$ 63,40 -2,91%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.