Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 12/11/2019

Cidades - A | + A

até no pronto-socorro 17.10.2019 | 09h44

Prefeitura investiga fraudes na compra de materiais hospitalares

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

A prefeitura de Cuiabá anunciou que a Procuradoria Geral do Município (PGM) investiga fraudes na compra de material hospitalar em 2008. Segundo a Corregedoria foram recebidos materiais inferiores ao que constava na licitação, o que causou riscos para os pacientes.

 

Entre os produtos irregulares estavam luvas descartáveis para o uso em cirurgias, o que não é apropriado para esse tipo de procedimento, além de agulhas com scalp intravenoso sem sistema de segurança.

 

Leia também - Pacientes de hemodiálise estão com passagem de ônibus cortada

 

No entanto, no edital da licitação estavam descritas a compra de luvas de látex e agulhas com sistema de segurança. A substituição por produtos inadequados - e mais baratos que os da licitação - colocaram em risco a vida de paciente e também dos profissionais de saúde.

 

A investigação foi aberta em abril e os materiais irregulares foram encontrados no Pronto-Socorro de Cuiabá e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pascoal Ramos. Os insumos foram recolhidos e os servidores responsáveis pela compra e recebimento serão ouvidos pela PGM.

 

Segundo a Prefeitura ainda não foi estimado o prejuízo aos cofres públicos causados por essas fraudes. A participação de servidores municipais no crime também é investigada.

 

Quando as investigações da PGM forem finalizadas, as conclusões serão encaminhadas para o Ministério Público do Estado, Ministério Público Federal e Tribunal de Contas do Estado para que esses órgãos possam responsabilizar as empresas envolvidas. (Com informações da Assessoria).

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O fraco desempenho de um time de futebol é culpa do técnico ou jogadores?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 12/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,55 0,94%

Algodão R$ 94,47 0,12%

Boi a Vista R$ 134,00 0,75%

Soja Disponível R$ 65,90 -0,45%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.