Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 17/09/2019

Cidades - A | + A

FATURARAM R$ 14 MILHÕES 23.08.2019 | 10h56

Quadrilha sonegou R$ 4 milhões em cachaça, vinho e whisky

Facebook Print google plus
Pablo Rodrigo e Yuri Ramires

redacao@gazetadigital.com.br

Divulgação PJC

Divulgação PJC

Quadrilha presa na operação da Delegacia Especializada em Crimes Fazendários (Defaz) e Secretaria de Fazenda (Sefaz), sonegou cerca de R$ 4 milhões em impostos de bebidas quentes, ou seja, cachaça, vinhos e whisky, aponta a investigação. Ao todo, o grupo faturou em média R$ 14 milhões.

 

Conforme as informações do secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo trata-se de um trabalho de inteligência, que começa com a fiscalização da Sefaz, onde os contribuintes são monitorados. “Conseguimos monitorar o comportamento dessas pessoas, que são sonegadoras e, quando identificamos crime, compartilhamos com a Defaz, resultando nesse desdobramento”. 

 

Leia também - Polícia Civil e Sefaz realizam operação contra sonegação fiscal

 

Delegado Sylvio do Vale Ferreira Júnior explicou que a investigação ocorre desde março deste ano. “A organização promovia entrada de bebidas quentes, empresas emitiam notas de faixada em outros estados (Goiás, Mato Grosso do Sul e Tocantins), onde transitavam com a mercadoria e, a partir do descarregamento, era distribuída na baixada cuiabana e no interior”. 

 

Foram identificados ainda alguns clientes da quadrilha e mandados e buscas e apreensões foram cumpridos nos estabelecimentos comerciais. “10 pessoas já foram presas, mas o líder, conforme apontam as investigações, ainda está foragido. Estamos com equipe em Tocantis para efetuar essa prisão”. 

 

Delegado afirmou ainda que todos os presos confessaram os crimes e foram apreendidos documentos que vão auxiliar na continuidade das investigações, que vão apontar mais clientes que compravam bebidas sem nota fiscal ou com nota fantasma. Foram presas 4 pessoas em Várzea Grande e 6 em Cuiabá. 

 

“O prejuízo total não é sabido, mas só por meio das empresas fantasmas, foram R$ 4 milhões de ICMS sonegados”, afirmou.

 

Veja os alvos da operação

 

Cuiabá

Marcelo Ledra Garcia Bacat, Ademir da Silva Gonçalves, Leandro Freitas Curvo, Silvan Curvo, Marcelo Henrique Cini, 

Tarcilo Soares de Almeida, Alexandre Mario dos Santos Filho, Marcio Jacinto de Jesus, Glayton Batista Costa, Quallity Gestão Serviços Contáveis  LTDA-ME – Leandro Freitas Curvo e a sede da organização criminosa – rua Manoel Henrique Pereira – loteamento Jardim Maria Isabel, quadra 37 – Bairro Jardim dos Estados. 

 

Várzea Grande

Isabel Cristina da Costa

 

Pontes e Lacerda 

Santogo Alimentos LTDA – Supermais, Santogo Alimentos LTDA – Farturão Supermercado, V.N. dos Santos Cia LTDA – Supermercado Paraná, Sandra da Silva Feliciano Souza Eireli – Conveniência da Praça.

 

Comodoro

Novo Tempo Comercial de Alimentos LTDA – Supermercado Novo Tempo, Ivonete Ribeiro da Silva – Supermercado Novo Vencedor, Nova Era Comercial de Alimentos LTDA – Nova Era Supermercado.

 

Primavera do Leste

Vicente dos Santos Sobrinho – Bar do Vicente

 

Cáceres 

Fujiyama Com. De Gen . alimentos LTDA – Atacado Fujiyama, Marly Rosa Alves – Casa Nossa Senhora de Aparecida,

Comércio de Produtos Alimentares Todo Dia Eireli – Supermercado Todo Dia, Comercial Zambi de Produtos Alimentos Eireli ME – Comercial Aliança, Romão Moreira ME – Mercado e Açougue Moreira, C L da Costa Barros Eireli EPP – Maraja Festt.

 

Tangará da Serra

Distribuidora de bebidas Tigre da Serra LTDA – Big Festa

 

Campo Novo do Parecis 

Jeferson Bueno de Sousa Eireli – Líder Casa de Carnes e Supermercado, J. Martins do Nascimento ME – Supermercado Ideal.

 

São josé dos Quatro Marcos

Bianchi e Cia LTDA – Atacado Universo.

 

Jauru

Único Supermercado LTDA – Único Supermercado.

 

Figueirópolis D’Oeste

D Felicio Garcia – Doces Eldorado Juína Pasqualotto e Pasqualotto LTDA – Pasqualotto Supermercado.

 

Barra do Bugres

Supermercado Multimarca LTDA – Supermercado Multimarca.

 

Mirassol D’Oeste

Antônio Rodrigues dos Santos Mercearia – Supermercado Topo Gigio e V. Orlando de Almeida – Distribuidora Almeida.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Sobre o aumento de 600% no número de casos de dengue no Brasil é mais correto dizer que:

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 17/09/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,50 0,70%

Algodão R$ 92,48 -0,46%

Boi a Vista R$ 134,00 0,00%

Soja Disponível R$ 64,60 -0,31%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.