Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 29/09/2020

Cidades - A | + A

siga as orientações 06.04.2020 | 08h52

Saiba quais os cuidados para o armazenamento correto do lixo doméstico

Facebook Print google plus
Bruno Vicente/Sicom

redacao@gazetadigital.com.br

Luiz Alves/Sicom

Luiz Alves/Sicom

Pensando na segurança dos trabalhadores da coleta de resíduos domiciliar, a Prefeitura de Cuiabá alerta a população sobre os cuidados com o armazenamento do lixo. A atividade é umas das que continuam a todo vapor durante o período de quarentena por conta do novo coronavírus (Covid-19), por fazer parte do grupo de serviços considerados essenciais para a comunidade. 

 

O trabalho, que tem um papel fundamental para saúde pública, torna-se ainda mais eficiente quando conta com a colaboração efetiva do cidadão. Nesse sentido, o acondicionamento correto dos resíduos produzidos é o principal exemplo de como cada morador dos mais de 300 bairros da capital podem facilitar a jornada dos coletores. 

 

Leia também - Veja como ficará o transporte coletivo a partir desta segunda

 

Além da separação adequada de objetos perfurocortantes como vidros e metais pontiagudos, a atenção com a quantidade de lixo colocada em cada recipiente também deve fazer parte da rotina do munícipe. Igualmente, é necessário que haja uma atenção com o dia e hora em que o caminhão passa em cada bairro, para que os materiais sejam colocados para o recolhimento na data correta. 

 

“Ao mesmo tempo em que centenas de heróis anônimos continuam se empenhando, a participação do cidadão também se torna ainda mais importante, nesse momento. São atitudes simples, mas que fazem uma enorme diferença, ajudando a diminuir os riscos a integridade física dos trabalhadores”, comenta o prefeito Emanuel Pinheiro. 

 

Conforme acordado entre a prestadora do serviço e a Secretaria de Serviços Urbanos, somado ao trabalho rotineiro realizado nos bairros de Cuiabá, duas equipes foram criadas para atuar exclusivamente no recolhimento dos resíduos não infectantes das unidades públicas de saúde. No total, são dois caminhões e 12 coletores empenhados nessa função.

 

“Para aqueles que trabalham na coleta residencial, reforçamos a necessidade de utilizar, ininterruptamente, dos equipamentos de proteção individual. Aos que estão atuando na coleta de materiais não infectantes, nas unidades de saúde, foi fornecido macacão, botas e luvas especiais. Também estamos sempre exigindo da empresa que não deixe esses materiais faltar”, destaca o secretário de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa. 

 

Atualmente, mais de 250 trabalhadores atuam diretamente na coleta de lixo domiciliar. Desde o mês de março, a execução do serviço passou de dois para três turnos. “A alteração ocorreu a pedido da própria Prefeitura, visando otimizar a prestação do serviço, melhorar a fiscalização e a reposição dos caminhões danificados”, explica o diretor de Resíduos Sólidos, Anderson Matos. 

 

Confira as dicas simples que podem ser seguidas: 

- Opte sempre por não encher o saco de lixo totalmente. Se for uma grande quantidade de resíduos, faça a divisão em mais de um recipiente. 

- Ao descartar objetos cortantes como lâmpadas, copos, espelhos, lâminas, e outros pedaços de vidros, garanta que eles estejam totalmente isolados do restante dos resíduos. Para isso, pode-se usar uma grande quantidade de jornal ou papelão para embrulhá-los.

- Utilize também garrafas pet como embalagens para materiais pontiagudos como espetos de madeira, pregos, parafusos, ou até mesmo o próprio vidro.

- Antes de jogar fora uma lata com tampa serrilhada, opte sempre por dobrá-la para dentro da embalagem.

- Faça sempre questão de identificar no saco de lixo a existência de objetos perfurocortantes. Dessa forma, os servidores poderão tomar um maior cuidado durante o manuseio.

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Na sua opinião, por que tantos candidatos milionários querem entrar na política?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 29/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,00 -0,99%

Algodão R$ 90,53 0,23%

Boi a Vista R$ 137,80 -0,14%

Soja Disponível R$ 59,00 -1,99%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.