Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 14/08/2020

Cidades - A | + A

menos lotação 09.06.2020 | 10h03

Semob registra 33% de redução nos usuários do transporte coletivo durante a pandemia

Facebook Print google plus

Divulgação

Divulgação

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Cuiabá mantém a fiscalização do controle de acesso dos usuários do transporte coletivo na capital. Com a retomada de forma gradativa e segura dos setores econômicos, o monitoramento é realizado para evitar aglomerações, o que possibilitaria à disseminação do novo coronavírus. Se comparado com o número total de passageiros registrados em tempos normais, o equivalente a 250 mil pessoas, o fluxo diário registrou uma redução de 33% desde o início da adoção de medidas especiais e de controle ao novo coronavírus.

 

“O poder público não consegue dar conta do recado sozinho. Nós precisamos da colaboração do usuário do transporte coletivo. E isso está de fato acontecendo. As pessoas estão contribuindo para eficácia do trabalho de fiscalização dos agentes de trânsito, que não estão medindo esforços para colocar em prática as medidas estabelecidas pelo prefeito Emanuel Pinheiro”, disse o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo.

 

Leia também - Mato Grosso registra 425 focos de queimada em 7 dias

 

Antes da publicação do último decreto municipal, que dispõe sobre a retomada de setores econômicos, na primeira quinzena do mês de junho, conforme levantamento feito pelo Diretoria de Transportes, o número de usuários que estavam sendo transportados era de 75 mil. Após essa última medida de disseminação da covid-19, o número de transportados saltou para 85 mil, um pequeno acréscimo de 10 mil passageiros.

 

Válido lembrar que todos os veículos são devidamente higienizados após término de cada viagem. Os coletivos estão circulando, seguindo a determinação judicial, com 50% de sua capacidade total. Na prática, 35 pessoas sentadas.

 

Para um maior rigor na fiscalização, controle de acesso e exigir o uso de máscaras tanto dentro dos ônibus como nos terminais e paradas de ônibus, as equipes de agentes estão atuando de forma volante. Nos horários considerados de pico, os agentes permanecem nas estações Alencastro, Bispo e Maria Taquara. Após isso, os agentes são deslocados para os principais corredores como as Avenidas do CPA, Trabalhadores e Fernando Côrrea, a fim de garantir a fluidez e a tranquilidade do trânsito.

 

“A Prefeitura de Cuiabá reitera que nesse momento é preciso fazer um apelo à consciência de cada um. A decisão atende aos profissionais da saúde. Respeite. Faça a sua parte. Estamos numa cruzada contra o novo Coronavirus e esse esforço depende da união de todos em defesa da vida”, concluiu o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 14/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,10 3,08%

Algodão R$ 92,48 -0,46%

Boi a Vista R$ 131,90 -0,02%

Soja Disponível R$ 67,70 -0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.