Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 27/10/2020

Cidades - A | + A

Confusão 10.09.2020 | 09h20

Sorteados ocupam residenciais Colinas Douradas e Santa Bárbara em VG

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

Atualizada em 11/09/2020 às 11h18 Dezenas de pessoas ocupam os residenciais Colinas Douradas e Santa Barbara desde a noite de quarta-feira (9). Eles contestam o sorteio realizado pela Caixa Econômica Federal (CEF) com apoio da Prefeitura de Várzea Grande.


Leia também - Lucimar libera aulas presenciais e festas em Várzea Grande

 

As obras do Colinas Douradas estão paradas há anos e sem previsão de entrega das 500 residências. Já o Santa Barbara teve sorteio de endereços de duas etapas em 11 de agosto. As fases 1 e 4 englobam 288 casas e a seleção dos contemplados foi feita online. Esse sorteio tem gerado grande frustração entre os beneficiários, pois alegam falta de transparência.


Ana Cristina Teixeira é uma das ocupantes do residencial Santa Bárbara. Ela se inscreveu para participar do sorteio dos dois conjuntos habitacionais e foi contemplada com um dos imóveis, no entanto não recebeu as chaves, assim como várias outras pessoas.


“Meu nome e de outras pessoas aparece na lista da Caixa Econômica, mas quando vamos na prefeitura saber como receber as chaves, não estamos na lista deles. Queremos saber porque essa diferença. Outros nomes estão na lista no lugar do nosso”, relata.


A mulher mora em uma casa cedida com outras 7 pessoas. Assim como os outros manifestantes, ela tem o sonho de receber a chave da casa própria e pressionam a Prefeitura por resposta.


Na manhã desta quinta-feira (10), representantes dos ocupantes se reúnem na Secretaria de Habitação para buscar respostas sobre os equívocos que acusam no sorteio.


Outro lado
A Prefeitura de Várzea Grande foi procurada e informou que o Colinas Douradas ainda não tem previsão de entrega, pois as obras não foram concluídas. Já o Santa Barbara é de responsabilidade da Caixa Econômica, que procedeu o sorteio.


A Caixa foi procurada e encaminhou a seguinte nota:

Em relação ao empreendimento Colinas Douradas, esclarecemos que devido às alterações de diretrizes originalmente emitidas pela companhia de saneamento local, foram necessárias adequações de projetos e orçamentos relacionados aos sistemas de fornecimento de água e esgoto sanitário.

 

Assim, as negociações com vistas a buscar alternativas para solução orçamentária estão em curso, para permitir a retomada e consequente replanejamento de cronograma de execução de obras.

 

Quanto à invasão ocorrida no empreendimento nesta quinta-feira (10), a CAIXA informa que já ajuizou ação de reintegração de posse.

Galeria de fotos

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com abertura do comércio, bares, igrejas e retomada de festas, você já retomou à rotina?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 27/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,50 0,82%

Algodão R$ 126,85 1,32%

Boi à vista R$ 247,18 2,04%

Soja Disponível R$ 163,50 1,24%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.