Publicidade

Cuiabá, Domingo 05/07/2020

Esporte - A | + A

Bomba 13.05.2020 | 09h28

Venda do Dutra é considerada ilegal

Facebook Print google plus
Oliveira Júnior

redacao@gazetadigital.com.br

Arquivo

Arquivo

A venda do Estádio Eurico Gaspar Dutra, pela FMF, à Prefeitura Municipal de Cuiabá, foi ilegal. É o que aponta a auditoria feita a pedido da atual gestão da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF).

 

Em entrevista exclusiva concedida à reportagem do Jornal A Gazeta, o presidente da entidade, Aron Dresch, confirmou a ilegalidade: “Essa é apenas uma das irregularidades que já descobrimos através da auditoria. Para ser vendido, o estádio que pertence à Federação Mato-grossense de Futebol deveria ter a aprovação da maioria dos filiados, numa Assembléia Geral, através de voto, e isso não aconteceu! Alguém ouviu falar dessa assembléia? ninguém. Então a venda foi ilegal e o estádio pertence à Federação sim!”, disse Dresch.

 

 

A venda do estádio à Prefeitura de Cuiabá ocorreu em 2011, por R$ 3,5 milhões - um valor bem abaixo do mercado, devido a localização da praça esportiva -; mas, somente em 2014 as autoridades resolveram ‘agir’. Na época, Carlos Orione, presidente da FMF, foi intimado a prestar esclarecimentos ao Ministério Público Estadual (MPE) sobre a negociação.

 

O promotor de Justiça do Núcleo de Defesa da Cidadania e do Consumidor, Ezequiel Borges de Campos, oficiou Orione, após ter sido provocado por meio de denúncia proposta pelo torcedor do Cuiabá Esporte Clube, Ronicley dos Santos. O torcedor encaminhou ao MP um dossiê com mais de 20 laudas, relatando possíveis irregularidades nas transações da Federação. Quando o estádio foi comprado pela Prefeitura, o então vereador Júlio Pinheiro (ex-presidente do Mixto Esporte Clube) ocupava o cargo interino de prefeito de Cuiabá.

 

Leia mais notícias sobre Esportes na edição do Jornal A Gazeta

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Governo federal está liberando R$ 1.045 do FGTS por trabalhador para movimentar a economia. O que você fará com o benefício?

Parcial

Edição digital

Domingo, 05/07/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,70 -1,75%

Algodão R$ 91,19 -0,23%

Boi a Vista R$ 131,72 -0,96%

Soja Disponível R$ 67,70 -0,44%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.