Publicidade

Cuiabá, Sábado 08/08/2020

Judiciário - A | + A

PANDEMIA 08.07.2020 | 10h25

Juiz cita ineficiência e exige que Estado e VG apresente plano de contingência

Facebook Print google plus

TJMT

TJMT

O juiz José Luiz Leite Lindote, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Várzea Grande, determinou que o Estado e o Município apresentem o plano de contingência em relação a pandemia de covid-19. O documento deve ser oferecido em 15 dias e nele deve conter o cronograma de contratação de servidores da saúde, planejamento financeiro e cronograma de implantação de novos leitos de internação clínica e de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) exclusivos para pacientes com a doença.


Leia também -Pastor Sebastião Rodrigues morre de covid-19 em Cuiabá

 

A decisão desta terça-feira (7), em caráter liminar, atende uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual (MPE). Que também exige que esteja esclarecido no cronograma a aquisição de material usados nas medidas aplicadas, como equipamentos, respiradores e testes para serem realizados em massa.


Na determinação, o juiz pontua a ineficiência do aparelho público nas medidas de combate à pandemia e ainda critica o atraso e falta de transparência nos processos.


O magistrado pontua que pessoas não podem continuar a morrer pela falta de atitude dos governos municipal e estadual.


“O que não se pode é aceitar que mais vidas sejam perdidas ante o atraso e ineficiência do aparelho estatal. Os óbitos estão aumentando diariamente e a tendência é que mais pessoas venham a sucumbir diante da falta de assistência médica adequada, por exemplo, até o dia de ontem (06/07/2020) 857 pessoas já haviam falecido, ou seja, 412 óbitos a mais de pessoas do que foi registrado até a propositura desta ação – Boletim Informativo nº 108, de 24/06/2020”, diz trecho da decisão.


No documento, Lindote ainda cita que a União já repassou R$ 93 milhões para aplicação nas medidas de combate a pandemia no Estado, mas que não foi justificado o uso do recurso até então.


“Mesmo assim, até o presente momento, não há, efetivamente, aumento do número de leitos de internação clínica ou de UTI em Várzea Grande, tampouco foi informado a este Órgão quais medidas serão adotadas para incrementar o sistema de saúde no Município”, diz a ação. (Com informações da assessoria)

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Após a reabertura dos shoppings, você voltou a frequentar como antes da pandemia?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 07/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,95 0,25%

Algodão R$ 93,20 0,12%

Boi a Vista R$ 132,22 -0,59%

Soja Disponível R$ 65,80 0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.