Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 14/08/2020

Judiciário - A | + A

prioridade 24.03.2020 | 10h35

MP tira R$ 80 mi do Hospital Central e destina à pandemia do coronavírus

Facebook Print google plus

MPMT

MPMT

Ministério Público de Mato Grosso (MP) decidiu destinar os R$ 80 milhões oriundos das ações de combate à corrupção para o combate ao coronavírus. O recurso estava previsto para a obra do Hospital Central de Cuiabá, anunciada pelo governador Mauro Mendes (DEM) no final do ano passado.

 

De acordo com o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges, os recursos são oriundos de TACs (Termo de Ajustamento de Conduta), acordos de leniência e de colaborações premiadas.

 

Leia também - Assembleia anuncia redução de verbas indenizatórias e combustível

 

"Esses recursos serão destinados agora para o Fundo do combate ao coronavírus. Um exemplo, esse ano era para destinar R$ 80 milhões dos acordos de leniência para construção do hospital central estadual no CPA. Esse dinheiro deverá agora ir para o coronavírus", disse o procurador ao .

 

"Hoje mesmo está saindo um TAC ambiental de R$ 270 mil que comprará EPI de uma empresa Chinesa", completou. A tendência é que só de TACs, sejam destinados cerca de R$ 900 mil para a Saúde do Estado. O MP vem seguindo uma orientação do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

 

Com a destinação dos R$ 80 milhões para o combate ao coronavírus, o governo do Estado deverá buscar outras fontes para dar continuidade a obra.

 

O Hospital Central terá 9 salas cirúrgicas e ainda contará com 60 leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 36 leitos da Unidade de Cuidados Intensivos (UCI), 21 leitos de Pronto Atendimento, 44 leitos de retaguarda e 129 leitos de enfermaria; um total de 290 leitos voltados para o atendimento da população mato-grossense.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 14/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,45 -2,72%

Algodão R$ 93,54 -1,51%

Boi a Vista R$ 135,25 0,43%

Soja Disponível R$ 68,20 0,44%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.