Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 30/11/2020

Judiciário - A | + A

AFASTADOS DO TCE 22.09.2020 | 18h51

STF decide aguardar julgamento que pode estender habeas corpus a conselheiros

Facebook Print google plus
Noelisa Andreola

noelisa@gazetadigital.com.br

Montagem

Montagem

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu aguardar o julgamento do recurso que pode estender o julgamento do habeas corpus para José Carlos Novelli, Antônio Joaquim e Sérgio Ricardo, conselheiros afastados do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) desde 2017.


"Diante da oposição dos embargos de declaração em face do acórdão proferido pela Segunda Turma, impõe-se necessário aguardar o julgamento definitivo das questões para apreciação do pedido de extensão. Isso posto, aguarde-se o julgamento do recurso interposto pelo paciente", diz o despacho desta terça-feira (22).

 

Leia também - 'Em áudio, deputado revela 'negociata' para PDT apoiar Euclides Ribeiro'


Eles entraram com o recurso após Walter Albano conseguir o direito de retornar ao seu cargo no dia 25 de agosto perante empate de votos dos ministros Luiz Edson Fachin, Carmen Lúcia, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. A decisão foi tomada durante sessão da segunda da Turma do STF.


Entenda o caso


José Carlos Novelli, Antônio Joaquim, Walter Albano, Valdir Teis e Sérgio Ricardo foram entregues pelo ex-goverandor Silval Barbosa, sob delação premiada, durante a 12ª fase da Operação Ararath, denominada Malebolge, deflagrada no dia 14 de setembro de 2017. Eles são acusados por corrupção passiva, sonegação de renda, lavagem de dinheiro e organização criminosa.


De acordo com as investigações, o então presidente do TCE, José Carlos Novelli, teria condicionado a continuidade das obras da Copa do Mundo de 2014 ao pagamento de R$ 53 milhões em propina para os conselheiros. Em fevereiro deste ano, o STJ já havia negado o retorno dos conselheiros ao cargo. Na época, o relatório apontava que a Polícia Federal ainda estava realizando investigações sobre a suposta propina paga por Silval Barbosa aos membros do Tribunal de Contas.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com o resultado da eleição, você acredita em uma Cuiabá melhor a partir de 2021

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 30/11/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,50 -0,81%

Algodão R$ 126,42 0,73%

Boi à vista R$ 252,95 0,03%

Soja Disponível R$ 160,00 0,63%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.