Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 27/05/2020

Mundo - A | + A

500 mil pessoas doentes 27.03.2020 | 14h35

Diretor-geral da OMS diz que não dá para prever quanto tempo pandemia vai durar

Facebook Print google plus

Reprodução/Onu

Reprodução/Onu

A OMS voltou a destacar nesta sexta-feira (27) a necessidade das medidas de isolamento social para conter as infecções pelo novo coronavírus, alertando que não é possível saber quanto tempo a pandemia vai durar e que estamos entrando em um campo de incertezas.

 

O foco das atuações de cada país devem ser sempre o “máximo controle da doença e impacto mínimo na economia e na vida das pessoas”, disse o doutor Michael J. Ryan, diretor-executivo do Programa de Emergências Globais da OMS.

 

Leia também - Diplomata britânico de 37 anos morre após ser contagiado pelo coronavírus

 

O diretor-geral, Tedros Adhanom, também confirmou que a doença já deixou mais de 500 mil pessoas doentes e o número de mortos passou de 20 mil. Mais de 100 mil pacientes já se recuperaram.

 

Pessoas com sintomas leves são maiores transmissores
Na manhã de hoje, o diretor teve uma reunião com mais de 50 ministros da saúde do mundo para discutir como a doença está sendo acompanhada e tratada. Ele destacou as ações na China, Coreia do Sul, Japão e Singapura para identificar os casos, isolar os doentes, acompanhar os movimentos e o sucesso nas quarentenas.

 

A organização também reforçou a importância do distanciamento social, de ficar em casa e lavar as mãos ao falar que pessoas que apresentam sintomas iniciais ou muito leves são os principais transmissores da doença. Estas pessoas não procuram atendimento médico e costumam não ser identificadas como infectadas, mas mesmo podem passar a doença.

 

Segundo os especialistas, o termo assintomático é ruim para explicar a transmissão do coronavírus, já que as pessoas estão na fase inicial da doença, mas já estão infectados.

 

Ajuda do G20
Tedros agradeceu a ajuda trilionária do G20, que vai investir na cura e no tratamento da pandemia. Até agora não existe uma vacina para o coronavírus, e o diretor da OMS disse que a previsão para o aparecimento de uma é em até 18 meses.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

A constante troca de ministros pelo presidente Jair Bolsonaro compromete a sua gestão?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 27/05/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,75 -1,50%

Algodão R$ 93,32 -0,19%

Boi a Vista R$ 137,50 0,18%

Soja Disponível R$ 68,80 0,29%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.