Publicidade

Cuiabá, Domingo 20/10/2019

Mundo - A | + A

Clima de tensão 09.10.2019 | 09h42

Em meio a protestos, ex-presidente do Equador nega acusações de golpe

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

O ex-presidente do Equador Rafael Correa rejeitou nesta quarta-feira (9) as acusações de que planeja realizar um golpe com os protestos no país e pediu a convocação de novas eleições ao atual governante, Lenín Moreno, afirmando que poderia se candidatar "se for necessário".

 

Leia também - Babá de 17 anos é presa por estuprar menino de 3 anos em Várzea Grande

 

"Se houver eleições, eu me candidatarei se for necessário. Eles me desabilitaram para ser presidente, mas de vice-presidente para baixo. Vão inventar qualquer coisa para que eu não concorra", disse em entrevista coletiva no Parlamento Europeu.

 

Correa, que reside na Bélgica, frisou que durante o governo de Moreno foram abertos "sem provas" mais processos contra ele do que contra "Al Capone, Pinochet e El Chapo juntos", motivo pelo qual acredita que será preso se retornar ao país.

 
 

"Que me prendam, mas que me deixem concorrer. Querem me prender primeiro, e não deixarão concorrer", lamentou.

 

Sobre uma possível candidatura, o ex-mandatário disse não ter certeza "se ganharia" as eleições, mas garantiu ter "confiança no povo equatoriano".

 

Rafael Correa rejeitou as acusações de que estaria por trás das manifestações de grupos indígenas e dos protestos contra as medidas econômicas adotadas pelo governo, entre elas a suspensão de subsídios a combustíveis.

Por outro lado, pediu ao povo que siga "defendendo os seus direitos com firmeza, mas em paz". Segundo ele, o atual governo "busca qualquer desculpa para a repressão".

 
Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Qual será o resultado das discussões sobre fake news no Congresso Nacional?

Parcial

Edição digital

Domingo, 20/10/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,70 2,07%

Algodão R$ 91,93 0,44%

Boi a Vista R$ 137,30 -0,07%

Soja Disponível R$ 65,61 -0,18%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.