Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 11/08/2020

Mundo - A | + A

Covid-19 15.04.2020 | 10h45

Mundo chega a 2 milhões de casos de coronavírus, diz universidade

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

Menos de duas semanas depois de registrar o primeiro milhão, o mundo chegou nesta quarta-feira (15) aos dois milhões de casos de coronavírus, segundo dados da Universidade Johns Hopkins, que acompanha em tempo real o aumento do número de infecções e mortes pelo globo.

 

Os 2 milhões de casos chegaram apenas 13 dias depois do primeiro milhão. Foram 3 meses desde o primeiro caso confirmado na China, berço da doença, até a marca de 1 milhão de diagnósticos de covid-19 e menos de duas semanas para dobrar este número.

 

Leia também - Candidato á presidência dos Estados Unidos é acusado por assédio sexual

 

Mesmo com sinais de desaceleração da doença na Europa, a curva do coronavírus não está achatando e a doença se espalha cada vez mais rápido pelo mundo.

 

Os Estados Unidos seguem sendo o epicentro da doença, com mais de 609 mil casos da doença e 26 mil mortos, sendo o país com o maior número de fatalidades. Ele é seguido por Espanha, que tem mais de 177 mil doentes e Itália, o foco da pandemia há duas semanas, que hoje tem 162 mil casos de infecção e 21 mil mortos. Na terça-feira (14), a França se tornou o 4º país a passar da marca de 15 mil óbitos pela doença.

 

Mesmo com a pandemia ativa, diversos países estão começando a afrouxar as quarentenas e liberarem cada vez mais pessoas para sair na rua e tentar retomar a normalidade. A cidade de Wuhan, onde a doença surgiu, suspendeu o confinamento no começo de abril; a Áustria, que teve menos de 400 mortos pela doença, liberou milhares de estabelecimentos comerciais para reabertura e a Itália e a Espanha estão lentamente permitindo que mais pessoas voltem ao trabalho.

 

Enquanto isso, a doença não mostra sinais de desaceleração nos Estados Unidos, e médicos de Nova York, estado mais afetado pelo coronavírus, estão assustados com a velocidade das mortes. Na África, a doença ainda não tem números expressivos, mas está se espalhando rapidamento pelos países.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 11/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 18,55 0,54%

Algodão R$ 92,99 -0,11%

Boi a Vista R$ 130,70 -0,11%

Soja Disponível R$ 75,75 0,07%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.