Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 27/11/2020

Polícia - A | + A

SEGURANÇA PÚBLICA 23.10.2020 | 17h46

Crimes de roubo reduzem 30% em MT de janeiro a setembro

Facebook Print google plus

PJC-MT

PJC-MT

Mato Grosso registrou resultaram na redução de 30% nos crimes de roubos (quando há violência). Os dados correspondem ao período de janeiro a setembro deste ano, em comparação com 2019. Na modalidade furto, a queda também foi de 30%.

 

Os dados são da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), por meio da Superintendência do Observatório de Segurança Pública, e o quantitativo é obtido mediante os registros de Boletim de Ocorrência (B.O) das 15 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp’s), que contemplam os 141 municípios de Mato Grosso.

 

Leia também - Homem surta, corre nu e morre em rua do Capão em Várzea Grande

 

Nos primeiros nove meses de 2020, foram registradas 7.555 ocorrências de roubo. Já no mesmo período do ano passado somaram 10.820 casos. Ainda neste ano, foram 23.726 registros de furto contra 34.087 no mesmo período de 2019. O total de roubo e furto equivale as ocorrências em residências, estabelecimentos comerciais, pedestres, entre outros.

 

O secretário-adjunto de Integração Operacional da Sesp-MT, Coronel PM Victor Fortes, ressalta que mesmo com um ano atípico por conta da pandemia, as forças de segurança continuaram atuando firmemente no combate à criminalidade, reforçando o policiamento, as ações integradas e as investigações criminais.

 

“O empenho das forças de segurança e o comprometimento dos profissionais foram primordiais para alcançar os resultados. A Secretaria fortaleceu a integração tanto na atividade de inteligência quando na atuação operacional entre as instituições, com ações preventivas e repressivas no enfrentamento aos principais índices criminais, principalmente aos crimes contra a vida e o tráfico de drogas. Nosso objetivo é continuar ampliando as nossas ações”, enfatiza.

 

Ainda segundo o secretário, todas as Risp’s apresentaram reduções nos crimes de furto. Já em relação ao crime de roubo, somente as Regiões representadas pelas cidades polos de Barra do Garças e Nova Mutum tiveram aumento de 5% e 20%, respectivamente.

 

As outras 13 Risp’s são representadas pelos municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Sinop, Rondonópolis, Cáceres, Tangará da Serra, Juína, Alta Floresta, Vila Rica, Primavera do Leste, Pontes e Lacerda, Água Boa e Guarantã do Norte.

 

Veículos

De janeiro a setembro, Mato Grosso registrou queda de 30% nos números de veículos roubados. Foram 1.027 roubos em 2020 contra 1.464 no mesmo período de 2019. Já os crimes de furtos reduziram 23%. Saiu de 1.810 ocorrências em 2019 para 1.394 em 2020.

 

Fazem parte das forças de segurança a Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Sistema Penitenciário e Sistema Socioeducativo.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Você concorda com o retorno das aulas presenciais em fevereiro ou acha melhor esperar a vacina?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 27/11/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 62,00 0,00%

Algodão R$ 125,50 1,52%

Boi à vista R$ 252,87 -0,48%

Soja Disponível R$ 159,00 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.