Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 28/02/2020

Polícia - A | + A

cunhado também morreu 17.01.2020 | 09h35

Menor com mais de 50 passagens criminais é morto em Tangará da Serra

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

João Vitor Araújo da Silva, 17, e Elielson Mendes do Nascimento, 23, foram mortos na noite de quinta-feira (16), no bairro Vila Alta, em Tangará da Serra (239 km a Médio-Norte de Cuiabá), por dois homens armados dentro de casa. Polícia informou que João Vitor já tem mais de 50 passagens criminais.

 

Testemunhas informaram que por volta das 21h, dois homens encapuzados arrombaram a porta da casa, entraram e procuraram pelas vítimas. Um deles foi morto no corredor e outro no quarto. 

 

Leia também - Mulheres são mortas com facadas na cabeça e enterradas em canavial

 

Os suspeitos correram e fugiram cada um em uma motocicleta. Eles ainda não foram identificados pelas forças de segurança. Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e constatou a morte das vítimas, que são cunhados. 

 

Perícia e Polícia Civil também estiveram no local. Peritos encontraram no bolso da bermuda de João Vitor uma porção de maconha e R$ 5. 

 

Família das vítimas estava em estado de choque e ao tempo todo dizia que o autor do crime seria um policial civil da cidade. Fizeram ainda ameaças de morte contra ele. 

 

Consta contra João Vitor a acusação de 4 homicídios praticados na região, além de uma ficha criminal com mais de 50 passagens. O cunhado também já tinha ficha criminal.  

 

A família não prestou depoimento, disse ainda que só falaria na Promotoria de Justiça. O caso segue sendo investigado.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

jose a silva - 17/01/2020

Mais de 50 passagens? A policia procura o autor da justiça feita para lhe entregar uma medalha! Mas como no Brasil, se confunde tudo, ele fugiu! Mas fica aqui os aplausos, por dar menos trabalho a RFB (Receita Federal do Brasil)com o cancelamento de mais dois CPF's!

José Lopes - 17/01/2020

Aí vê a apetulancia, o camarada comete mais de 50 crimes, é morto, depois a família incrimina um policial civil sem provas e se não bastace faz ameaça de morte, da pre subentender que a família toda é criminosa

2 comentários

1 de 1

Enquete

Número de delações premiadas significa que MT está sendo passado a limpo?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 28/02/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 23,40 1,08%

Algodão R$ 95,80 -1,04%

Boi a Vista R$ 136,67 0,00%

Soja Disponível R$ 68,20 -0,29%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.