Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 26/05/2020

Polícia - A | + A

em ronda 23.05.2020 | 12h03

5 são presos em restaurante acusado de ser usado de fachada para tráfico em VG

Facebook Print google plus
Izabelle Borges - Especial para o GD

izabelle@gazetadigital.com.br

PMMT

PMMT

Restaurante na rua Capitão Costa, no Centro de Várzea Grande, é acusado de ser fachada para ponto de tráfico de drogas. Na noite desta sexta-feira (22), às 23h49, a equipe da Polícia Militar que efetuava patrulhas prendeu 5 suspeitos pelos crimes de tráfico de drogas, moeda falsa e associação criminosa. Entre os detidos, 4 eram homens e uma mulher.

 

Em ronda, os policiais avistaram 3 homens em frente ao restaurante com atitude suspeita. Durante a abordagem, os policiais encontram em posse de um dos suspeitos, além da quantia de R$ 150, uma porção de maconha, do tipo Skank, e uma nota de R$ 100 com traços de falsificação.

 

O segundo revistado possuía uma porção de pasta base de cocaína e certa quantia em dinheiro, enquanto isso, o terceiro revistado portava duas porções de maconha.

 

Leia também - Motorista de aplicativo flagra passageiro batendo na esposa, muda rota e para na base da PM

 

Ao ser dada a voz de prisão aos três, o primeiro suspeito apresentou resistência e chamou pela esposa, pedindo a presença da advogada.

 

A esposa por sua vez, que estava dentro do estabelecimento, saiu para conferir o que acontecia e apresentou o mesmo nervosismo dos detidos ao notar a presença da guarnição. A mulher se voltou para dentro do restaurante novamente e foi flagrado pelos policiais tentando arremessar uma bolsa preta por cima do muro do comércio.


A PM, que solicitou o reforço de outra viatura, fez a localização da bolsa e constatou a presença de uma porção grande maconha e 15 porções pequenas com a mesma substância. Além disso, no interior do comércio, foi encontrado outro suspeito fazendo uso de entorpecentes.

 

A guarnição fez a apreensão dos celulares de todos os 5 suspeitos após presenciar uma conversa entre eles, onde se cobravam quanto às conversas existentes terem sido apagadas ou não. Ainda foram apreendidos a quantia de R$ 2.817,00, alguns pertences pessoais, como documentos, acessórios e chaves, a bolsa preta arremessada pelo muro, a nota falsa e as porções dos entorpecentes.

 

Todos os suspeitos foram encaminhados à delegacia e autuados pelos crimes de tráfico de drogas, moeda falsa e associação criminosa.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

A constante troca de ministros pelo presidente Jair Bolsonaro compromete a sua gestão?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 26/05/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,05 1,26%

Algodão R$ 92,91 0,53%

Boi a Vista R$ 131,07 -0,25%

Soja Disponível R$ 67,70 -0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.