Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 12/11/2019

Polícia - A | + A

Amarravam genitália 16.04.2019 | 14h54

Polícia Civil prende casal que torturava menino de 5 anos

Facebook Print google plus

Otmar de Oliveira

Otmar de Oliveira

O pai e a madrasta de um menino de 5 anos foram presos em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (15), acusados de tortura contra a criança. A ação da Delegacia Especializada de Defesa dos Diretos da Criança e do Adolescente (Deddica) foi desencadeada após denúncia ao Conselho Tutelar relatando que a criança era torturada pelo casal.

 

A prisão do pai, A.M.N.S. e da madrasta M.C. aconteceu depois de uma testemunha relatar ao Conselho Tutelar que o menor reclamava de dores e estava com marcas de queimadura de cigarro pelo corpo, machucados nos joelhos, além de estar com o órgão genital em carne viva.

 

Segundo as informações, a criança sofre as torturas desde o mês de janeiro, quando passou a ficar sob os cuidados do pai e da madrasta. As agressões eram frequentes, sendo que o pai batia no filho com socos e madrasta usava um pedaço de pau e fivela de cinto para agredir a criança.

 

Leia também - Vítima de execução lutava para tomar posse de fazenda

 

Entre as agressões, os suspeitos colocavam um elástico no pênis da vítima, como punição pelo fato da criança fazer as necessidades fisiológicas na calça. O casal também colocava o menino por horas de castigo de joelhos sobre caroços de arroz e sobre concreto quente.

 

Com base nos relatos, os policiais da Deddica foram até a residência dos suspeitos, no bairro Pedra 90, onde foi constatada a veracidade da denúncia, sendo o menino encontrado com várias lesões por todo corpo, não conseguindo nem ficar em pé.

A criança passava fome, estava muito fraca e foi encaminhada a Unidade de Pronta Atendimento (UPA), onde ficou sob observação.

 

Diante da situação, foi dada voz de prisão a madrasta da criança. Em continuidade as diligências, os policiais foram até o trabalho do pai do menino, na avenida Beira Rio, onde foi realizada a prisão do suspeito.

 

O pai e a madrasta foram conduzidos a Deddica e interrogados pelo delegado Francisco Kunze Junior, confessaram as agressões e os castigos contra a criança, sendo autuados em flagrante pelo crime de tortura.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Julian - 16/04/2019

Poe o nome desses covardes por favor para a sociedade saber quem sao eles.

1 comentários

1 de 1

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O fraco desempenho de um time de futebol é culpa do técnico ou jogadores?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 12/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,95 -0,50%

Algodão R$ 95,72 -1,47%

Boi a Vista R$ 136,33 0,37%

Soja Disponível R$ 64,00 -0,78%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.