Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 03/12/2020

Polícia - A | + A

MORTES VIOLENTAS 12.07.2019 | 08h15

Polícia registra o 3º caso de feminicídio em uma semana

Facebook Print google plus

Divulgação/PM

Divulgação/PM

Segunda-feira (8), Débora da Silva. Na quarta (10), foi Luciana Aparecida da Silveira. Na quinta-feira (11), Bruna Francisca da Silva. O que elas têm em comum? Todas foram mortas pelos ex-companheiros.

 

Em uma semana, Mato Grosso registra 3 casos de feminicídios. Em 2 dos casos, os agressores tiraram a própria vida. Já o assassino de Bruna, foi preso pela Polícia Militar em Campo Verde (131 km ao Sul de Cuiabá). 

 

Leia também - 'Ela mereceu morrer', diz sobrinho que matou a tia em MT

 

De acordo com as informações da Polícia Militar, o corpo de Bruna foi encontrado pela própria mãe, por volta das 7h, na área de uma serralheria, próximo à casa da família, na zona rural de Campo Verde.

 

Ela foi morta espancada e teve seu rosto desfigurado, a violência chocou os familiares e amigos da jovem. O agressor, Paulo André de Oliveira, 36, foi preso após o crime.

 

Agressões após festa 

 

Na madrugada, por volta das 4h30, a mãe de Bruna flagrou uma briga do casal assim que chegaram de uma festa. 

 

Ela contou à PM que tentou intervir na briga, mas foi trancada em um quarto pelo agressor. 

 

Ele também tomou o celular da sogra. Enquanto esteve tentando separar a briga, a testemunha presenciou todas as agressões sofridas pela filha.   

 

Bruna já estava morta quando o agressor foi até o quarto, soltou a sogra e entregou o celular. Ele fugiu em seguida.

 

A mulher foi correndo procurar a filha e já percebeu marcas de sangue pela parede da serralheria. 

 

O corpo de Bruna estava sem a parte de cima da roupa e com muitos ferimentos no rosto.

 

3º caso 

 

Esse é o terceiro caso de violência doméstica que resulta em feminicídio na semana em Mato Grosso. 

 

Na segunda-feira, em Sorriso (420 km ao Norte de Cuiabá), Débora da Silva foi morta pelo ex-companheiro com um tiro de espingarda no rosto. 

 

Ela foi morta na frente do filho de 21 anos.

 

O agressor fugiu, mas no dia seguinte foi localizado pela PM em uma casa na zona rural. Cercado, não se entregou e deu um tiro na cabeça.

 

A Polícia Civil da cidade investiga se ele tinha como plano matar o filho da vítima e outros familiares, já que com o seu corpo, foram encontrados mais de 30 munições. 

 

Na quarta-feira, em Várzea Grande, o corpo de Luciana Aparecida da Silveira foi encontrado dentro do quarto de um hotel. 

 

Ela foi morta por asfixia mecânica. 

 

A vítima fez check-in no local junto com o ex-companheiro, no começo da tarde de segunda. No mesmo dia o homem saiu, trancou o quarto e não voltou mais. 

  

Funcionários suspeitaram e acionaram a PM. A porta foi arrombada e o corpo de Luciana foi encontrado em uma das camas. 

 

O suspeito fugiu para Jangada (80 km ao Norte de Cuiabá) e foi encontrado morto, pendurado por uma corda, após a PM recebeu uma denúncia de que ele estava na cidade. 

 

Denúncias 

 

Vítimas de violência doméstica contam com o apoio do Estado e do Judiciário. 

 

Em casos de violação dos direitos da mulher, ligue 197 e 181 da Polícia Civil de Mato Grosso, 190 para Polícia Militar, além de 180 e 100, que são nacionais. 

 

Todas as denúncias são encaminhadas às unidades especializadas para investigar o crime comunicado.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com o resultado da eleição, você acredita em uma Cuiabá melhor a partir de 2021

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 03/12/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 60,00 -0,83%

Algodão R$ 128,06 0,16%

Boi à vista R$ 252,62 -0,19%

Soja Disponível R$ 154,50 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.