Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 01/12/2020

Política de MT - A | + A

após acusação de Emanuel 20.10.2020 | 19h14

Abílio afirma que usa R$ 48 mil no gabinete para não deixar dinheiro para Misael

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

O vereador e candidato a prefeito de Cuiabá, Abílio Júnior (pode), rebateu às críticas sobre o uso de R$ 48 mil em verba de gabinete, dizendo que usa o valor total para que não sobre dinheiro para o presidente da Câmara, Misael Galvão (PTB), "usar errado". A afirmação foi feita em resposta aos ataques do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), de que Abílio quer cortar gastos na prefeitura, mas não economiza no próprio gabinete.

 

Em entrevista à rádio Capital, na manhã de segunda-feira (26), o vereador explicou que na Câmara o dinheiro economizado pelos parlamentares fica à disposição da Casa e não é devolvido para o Executivo utilizar em áreas prioritárias, como a saúde.

 

Leia também - Pleno do TRE barra candidatura de Taques ao Senado

 

"Na Câmara a economia vai para outro vereador, não volta para a saúde. Se a gente não usa o presidente vai usar com o que quiser, como o contrato de R$ 80 mil para carimbos. Sendo assim não vou deixar um centavo para o presidente usar errado", argumentou.


Segundo o vereador, no Legislativo, seja ele municipal ou estadual, o que cada parlamentar economiza volta para a Mesa Diretora, que define como o recurso será utilizado. "A gente fala que quer economizar, mas se o presidente da Câmara não tem índole de economizar, não economizam".

 

Ele também afirmou que, como irá gastar o dinheiro para não deixar recursos para Misael Galvão, decidiu usar a verba da melhor forma. "A Câmara não dá nada para o vereador. Quando entrei, nem computador tinha. Eu uso a verba para contratar advogados, fiscais, pessoas capacitadas para fiscalizar o trabalho da prefeitura".

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com o resultado da eleição, você acredita em uma Cuiabá melhor a partir de 2021

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 01/12/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 60,50 -0,82%

Algodão R$ 127,85 0,33%

Boi à vista R$ 254,60 0,64%

Soja Disponível R$ 154,50 0,32%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.