Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 30/09/2020

Política de MT - A | + A

disputa atinge delegados 06.12.2019 | 11h34

AL vai convocar delegado-geral para explicar suposto 'uso' da Defaz

Facebook Print google plus

Secom-MT

Secom-MT

Após a denúncia feita pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) sobre o suposto uso político da Defaz, os deputados estaduais vão convocar o delegado-geral da Polícia Civil, Mário Dermeval Aravechia de Resende, para explicar o caso denunciado pelo emedebista. A confirmação foi feita pelo presidente do Legislativo, Eduardo Botelho (DEM). 

 

Botelho negou que a denúncia de Emanuel tenha caído como uma bomba na Assembleia Legislativa. O presidente preferiu agir com tranquilidade quanto ao caso e não adiantou quais medidas serão tomadas pelo Legislativo. O primeiro passo será ouvir Dermeval. 

 

Leia também - Governo adia reforma da Previdência, mas mantém aumento da alíquota

 

O democrata destacou que é fim de ano e muitas pautas importantes estão na Assembleia, como o orçamento de 2020 do Estado, o que esfria o confronto entre o governador Mauro Mendes (DEM) e o prefeito Emanuel Pinheiro neste momento. 

 

Os delegados Lindomar Toffoli e Anderson Veiga foram removidos da Defaz, coincidentemente, após o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), denunciar que a delegacia estaria sendo usada politicamente pelo governador Mauro Mendes. 

 

A Defaz está na investigação contra o prefeito por suposta compra de apoio de veradores para cassar o seu oposicionista  Abílio Junior (PSC). Na denúncia, Pinheiro afirma que o delegado-geral da Polícia Civil, Mário Demerval, pressionou os delegados da Defaz, Anderson Veiga e Lindomar Toffoli, para “agilizar” a investigação

 

Outro lado 

A direção da Polícia Civil dá outra versão. Segundo nota divulgada nesta quinta-feira (5), "as mudanças foram tomadas diante da necessidade de adequar a estrutura para o funcionamento da nova unidade recentemente criada, a Deccor, cujas atribuições estavam anteriormente sob competência da Delegacia Fazendária e que, a partir de agora, atuará exclusivamente com investigações de crimes tributários". 

 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Na sua opinião, por que tantos candidatos milionários querem entrar na política?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 30/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,20 -3,90%

Algodão R$ 95,26 -0,53%

Boi a Vista R$ 134,24 -0,07%

Soja Disponível R$ 64,80 0,08%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.