Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 01/04/2020

Política de MT - A | + A

acordo formalizado 10.02.2020 | 19h37

Antes desafetos, Wilson Santos e Mauro Mendes pregam união

Facebook Print google plus

Chico Ferreira

Chico Ferreira

Antes desafetos por conta dos processos eleitorais, principalmente o de 2008, o governador Mauro Mendes (DEM) e o deputado estadual Wilson Santos (PSDB) selaram acordo nesta segunda-feira (10). O tucano fará parte da bancada governista na Assembleia Legislativa e deve isolar ainda mais a oposição ao governo do democrata. 

 

O governador destacou que não houve pedido antirepublicano de Wilson para embarcar na base. Umas das exigências feitas por ele foi a implantação da Unemat em Cuiabá. O governador Mauro Mendes sinalizou positivamente ao pedido do deputado e a universidade estadual deve ter uma unidade na Capital. 

 

"O deputado Wilson Santos foi pra mim um adversário histórico na política, mas hoje na condição de governador de Mato Grosso eu tenho que olhar para o presente e o futuro", disse o democrata ao anunciar a conquista de mais um parlamentar para sua base. 

 

Leia também - Ex-deputados pedem que Bolsonaro fique neutro em eleição

 

Wilson e Mauro se enfrentaram nas eleições de 2008 à Prefeitura de Cuiabá e o tucano levou a melhor. Em 2010, ambos foram candidatos ao governo, mas Mauro teve desempenho melhor que Wilson. Em 2014, ambos apoiaram a eleição de Pedro Taques (PSDB) ao governo. Em 2016 Mauro negou apoio a candidatura de Wilson a prefeito de Cuiabá. Em 2018 estiveram em lados oposto e Mauro foi eleito governador do estado. 

 

Wilson destacou que está querendo contribuir com o governo do Eestado. Segundo ele, sua experiência como político pode ajudar o governador Mauro Mendes na aprovação das reformas que são necessárias para o crescimento do Estado. 

 

Como exemplo, ele citou que fazer parte da base vai permitir ter acesso antes que projetos polêmicos cheguem ao Legislativo. Dessa forma, poderá propor mudanças para que o projeto seja encaminhado o mais redondo possível. 

 

Wilson destacou que o governo enfrenta uma crise de imagem por conta do ICMS e dos enfrentamentos com os servidores públicos, mas lembrou que prefere ser amigo nas horas difíceis e lembrou como defendia o governo de Pedro Taques até 2018. 

 

O parlamentar disse que votou com o governador Mauro Mendes desde janeiro de 2019, após a posse do governador. 

 

Outro pedido feito ao governador foi a construção de um centro para tratamento de dislexia/autismo/síndrome de Down/ ]discalculia e disgrafia em Cuiabá.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jorge Merquiades - 11/02/2020

Acho que alguém está buscando uma sombra, para amainar as acusações de desvio de recursos das obras do Rodoanel.... Sei não!!!!

1 comentários

1 de 1

Enquete

Levando-se em consideração as condições sanitárias do país, você optaria por:

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 01/04/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25,75 -1,15%

Algodão R$ 91,94 -0,31%

Boi a Vista R$ 133,24 -0,07%

Soja Disponível R$ 65,87 0,27%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.