Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 29/10/2020

Política de MT - A | + A

Efeito Moro 24.04.2020 | 15h59

Bancada na Câmara alerta preocupação com saída do 2° ministro em menos de um mês

Facebook Print google plus
Thiago Andrade e Pablo Rodrigo

redacao@gazetadigital.com.br

Adriano Machado

Adriano Machado

A bancada de Mato Grosso na Câmara Federal ressaltou preocupação com o pedido de demissão de Sergio Moro do Ministério da Justiça e Segurança Pública. O ministro acusou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de tentar fazer intervenção na Polícia Federal e isso acendeu sinal vermelho na opinião dos parlamentares. 

 

Outro ponto elencado é a questão da pandemia do novo coronavírus no Brasil. O país registrou recorde de mortes nesta quinta-feira (23), uma semana depois de trocar o ministro da Saúde, saiu Luiz Henrique Mandetta e entrou Nelson Teich, em 16 de abril. 

 

O deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, o Emanuelzinho (PTB), vê com temor a troca do segundo ministro num período de crise. "Temerária a troca de dois dos principais ministros num período de crise. Não é sinal de algo positivo. No entanto, espero que o proximo ministro da Justiça a traga bons frutos para a nação!", disse. 

 

Leia também - Sergio Moro pede demissão após troca de comando da PF


Mais experiente da bancada, o deputado Carlos Bezerra (MDB) avalia que a saída foi ruim e pode prejudicar o governo Bolsonaro. "A saída do ministro Moro é muito ruim, numa hora em que o Brasil precisa focar no combate à pandemia. Isso vai aumentar a crise. Porque ele vai tentar negociar com centrão em troca de cargo e isso não pode ocorrer mais. Ele mesmo fala que isso é a velha política. Eu sou contra o MDB aceitar o cargo. A denúncia que o Moro fez é muito grave. Tentar aparelhar a PF para proteger o filho. Isso é grave", comentou.


O coordenador da bancada federal, deputado Neri Geller (Progressistas), disse esperar estabilidade do governo. "Nós queremos que o presidente estabilize o governo, olha o valor do dólar. A cada 3 ou 4 dias se cria uma instabilidade. Isso cria insegurança, nós da Frente Parlamentar da Agricultura (FPS) estamos prontos para ajudar o governo. Mas, ele precisa ser mais sério", disse.

 

Neri completou que o governo agiu de forma errada ao tentar interferir na PF. "A intervenção na PF é burrice e nunca pode acontecer. Quero acreditar que isso não vai se concretizar", destacou.

 

Doutor Leonardo (Solidariedade) usou as redes sociais para agradecer o ministro por seu desenpenho e trabalho. "Sua transparência e história em busca da Justiça é um legado para o Brasil", disse. 

 

Mais bolsonarista entre os deputados, José Medeiros (Podemos) se manifestou pelas redes sociais, sem falar o seu sentimento com a saída do ministro apenas disse "obrigado, Moro!".

 

O deputado Nelson Barbudo (PSL), também da ala bolsonarista, assim como fez na semana passada na saída de Mandetta, preferiu não se manifestar. Usou as redes sociais para fazer campanha contra uma ação que será julgada no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a liberação do aborto, sem comentar a saída daquele que já foi  considerado um superministro do governo Bolsonaro. 

 

Única voz da oposição ao presidente Jair Bolsonaro em Mato Grosso, a deputada federal  Rosa Neide publicou um vídeo de um depoimento do ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em que o petista destaca que teve sua vida invadida por Moro e avisa que o ex-juiz também sofreria ataques. 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com abertura do comércio, bares, igrejas e retomada de festas, você já retomou à rotina?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 28/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,70 0,16%

Algodão R$ 130,32 1,33%

Boi à vista R$ 247,18 0,00%

Soja Disponível R$ 167,00 1,21%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.