Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 15/10/2019

Política de MT - A | + A

DÍVIDAS DA SAÚDE 10.09.2019 | 19h35

Chamado de mentiroso por Mauro, prefeito evita atrito

Facebook Print google plus
Pablo Rodrigo e Vitória Lopes

redacao@gazetadigital.com.br

Otmar de Oliveira/Marcus Vaillant

Otmar de Oliveira/Marcus Vaillant

Prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) evitou polemizar mais uma vez com o governador Mauro Mendes (DEM) por conta do atraso nos repasses da saúde na capital. Pinheiro lamentou as declarações de Mendes deste fim de semana, quando acusou o prefeito de "conversar muito, trabalha pouco e mente bastante".

 

"Eu acho que isso não é uma postura de um chefe do poder estadual. Não é isso que a população espera dele, principalmente em um assunto tão sério como esse. E o Estado reconhece a dívida e só discorda do valor. Eu não vou entrar nesses termos que ele entrou", disse Emanuel Pinheiro (MDB) nesta terça-feira (10) durante o programa 'Hora Estentida'.

Leia mais - Governo decreta situação de emergência por causa de queimadas

 

Emanuel Pinheiro disse que as declarações ocorreram por "nervosismo" de Mauro Mendes que estaria enfrentando vários problemas em sua gestão. "Espero que ele entenda que a relação entre o Executivo e a capital tem que ser de alto nível, um mutuo respeito entre ambos, ainda mais quando se trata de uma assunto sério com a saúde", completou.

 

A briga entre Pinheiro e Mendes ganhou mais um capítulo após o prefeito ter cobrado e notificado o Estado sob alegação de que o Estado deve cerca de R$ 56 milhões ao município referente a repasses da atenção básica e secundária dos anos de 2016 e 2018.

Porém, o Estado rebate o município afirmando que a dívida é de apenas R$ 39 milhões em relação a gestão passada, e que a atual gestão está com os repasses em dia.

 

"Eu estou fazendo um apelo. Eu não queria judicializar, mas esse dinheiro pertence ao município de Cuiabá e eu não posso deixar de cobrar. O Estado não respondeu a notificação, então vou ter que judicializar", afirmou.

Proposta

Emanuel Pinheiro também aproveitou para propor que o Estado quite a dívida que ele reconhece de R$ 39 milhões, e que a diferença a sua equipe sentaria em uma nova negociação com o Estado.

 

"O secretário de Estado diz que está devendo R$ 39 milhões e eu afirmo que está devendo R$ 56 milhões. Faz o seguinte, acerta os R$ 39 milhões, faz uma proposta que ai minha equipe senta na mesa para ver a diferença de R$ 17 milhões. Se o Estado tiver certo, não tem problema. Eu não quero cobrar do estado o que não tem direito, mas eu não abro mão de um centavo do que pertence ao município de Cuiabá. Eu não quero brigar, mexeu com Cuiabá, mexeu comigo".

 

Dívida com Hospitais

 

O prefeito também afirmou que o município tem dívidas de repasse com o Hospital Geral e o Hospital Santa helena, e que a falta de repasse do Estado, seria o motivo dos atrasos. No entanto, Pinheiro disse que reconhece a dívida e irá fazer de tudo para impedir que os hospitais deixem de atender a população.

 

"Está atrasado o repasse com o Hospital Geral, com o Hospital Santa Helena. A minha realidade é essa. São quase 60 milhões que pertence a população cuiabana. Não estou criando uma crise política com o governador, com os deputados, não tenho interesse nisso. muito pelo contrário, eu sempre cisquei pra dentro, eu sempre fui amigo da classe política. Agora mexeu com Cuiabá, mexeu comigo", finalizou.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Ter um diploma leva a uma maior remuneração?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 15/10/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,85 0,76%

Algodão R$ 91,67 -0,12%

Boi a Vista R$ 135,67 0,25%

Soja Disponível R$ 64,80 0,31%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.