Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 14/08/2020

Política de MT - A | + A

policiais de carreira 20.06.2020 | 11h15

Deputado pede isenção de ICMS para a compra de armas

Facebook Print google plus

Otmar de Oliveira

Otmar de Oliveira

O deputado estadual Silvio Fávero (PSL) propôs nesta semana um projeto de lei que isenta militares do pagamento de ICMS para compra de armas pelos militares no estado de Mato Grosso. Na justificativa, o parlamentar destaca que as armas são essenciais para os militares exercerem seus trabalhos. O deputado é do PSL, ex-legenda do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que defende medidas de armamento da população.

 

Em geral, projetos como o do parlamentar têm sido barrados na Comissão de Constituição Justiça e Redação (CCJR) por conta do vício de iniativa. Os deputados alegam que projetos que concedem isenção fiscal precisam ser apresentados pelo governador do estado.

 

Segundo o deputado, justicativa do projeto de lei, armas possuem alta carga tributária no Brasil, o que chancela a apresentação do projeto.

 

Leia também - Prefeito de Livramento descarta lockdown nos próximos dias

 

Além de armas, o projeto também prevê isenção para compras de munições no estado de Mato Grosso.

 

O projeto prevê isenção para policiais militares,  civis, federais, membros da Polícia Rodoviária Federal, das Forças Armadas, antes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e bombeiros militares. 

 

O parlamentar também quer estender o "benefício" aos produtores rurais; caçadores, atiradores integrantes das entidades de desporto legalmente constituídas, colecionadores de armas, devidamente registrados nos órgãos competentes, aos auditores fiscais da Receita Estadual, fiscais ambientais e agentes de segurança socieducativo do grupo de execução penal e segurança penitenciária.  

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Charles Pantoja - 20/06/2020

O Deputado Delegado CLAUDINEI apresentou este projeto no ano passado não? Copiou na cara dura ... Hummm

1 comentários

1 de 1

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 14/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,95 0,24%

Algodão R$ 92,30 -0,35%

Boi a Vista R$ 133,00 0,00%

Soja Disponível R$ 68,20 0,44%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.