Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 30/09/2020

Política de MT - A | + A

mudanças na alencastro 05.12.2019 | 08h53

Emanuel acredita na aprovação de reforma administrativa na próxima semana

Facebook Print google plus

Após enviar em outubro a reforma administrativa para a Câmara Municipal, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) afirmou ao que o projeto deva ser aprovado pelo parlamento até a próxima semana.

 

De acordo com o gestor, o projeto deve ser votado dentro de mais uma semana, visto que o recesso de final de ano da Câmara se aproxima. Além da reforma, a Casa Municipal precisa aprovar também o orçamento.

 

Leia também - Botelho cita criação de comissão para acompanhar denúncia

 

“Estou esperando a Câmara aprovar. Acredito que aprove agora, dentro de mais uma semana, já que estamos próximos do recesso parlamentar, vai ser votado o orçamento e só após o orçamento que o Legislativo municipal pode entrar em recesso”, aponta.

 

No documento, estão previstas a extinção da Secretaria Extraordinária dos 300 Anos e da Secretaria de Serviços Urbanos, esta última teria suas atividades realizadas pela Secretaria de Obras, com a ajuda da Empresa Cuiabana de Limpeza Urbagna (Limpurb).

 

 

Outra pasta que será modificada, conforme o projeto inicial, é a Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, que passará a ser chamada de Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e Pessoas Com Deficiência.

 

Já o Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Urbano Sustentável (IPDUS), hoje vinculado à Secretaria de Planejamento, voltará a ser ligada a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável. E a Defesa Civil do município, atualmente vinculada à Secretaria de Governo, fará parte da Secretaria Municipal de Ordem Pública e Defesa Civil.

 

Ainda de acordo com Pinheiro, os nomes dos secretários estão sendo discutidos, mas não há nada definido. “Estou em articulação para poder promover as escolhas e anúncios do secretario de governo, de Comunicação, da secretária da Mulher e do secretario de Turismo, e talvez mais algumas adequações naturais depois de três anos de mandato, na máquina publica municipal e pra gente não perder o pique e entrar com pé direito no ultimo ano”.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Na sua opinião, por que tantos candidatos milionários querem entrar na política?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 30/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,20 1,59%

Algodão R$ 91,17 -0,33%

Boi a Vista R$ 134,83 -0,20%

Soja Disponível R$ 71,00 1,43%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.