Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 02/06/2020

Política de MT - A | + A

Valor já reconhecido 18.09.2019 | 16h32

Emanuel quer receber R$ 39 mi que governo deve à saúde

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

A guerra dos valores que o governo do Estado deve à Prefeitura de Cuiabá ganhou mais um capítulo nesta semana depois que o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo reconheceu uma dívida de R$ 39 milhões com a capital. Depois desse reconhecimento, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) destaca que o Estado precisa cumprir com o pagamento. 

 

Emanuel disse que o dinheiro é da saúde de Cuiabá e que não irá abrir mão de receber os valores. "Esse dinheiro é da saúde pública de Cuiabá, eu não abro mão daquilo que pertence a população cuiabana", destacou.

 

Leia também - Botelho admite disputa ao Senado, mas pede discussão só após cassação

 

Para ele, já o Estado reconheceu que deve R$ 39 milhões que seja apresentado uma proposta de pagamento. "Não quero colocar faca no pescoço de ninguém, queremos que as equipes sentem e façam o encontro de contas, o que é devido que se pague e o que não é nós não iremos cobrar", destacou. 

 

O prefeito disse que está buscando um diálogo amigável com o governo do Estado para tentar os R$ 56 milhões (alegados de débitos do governo com Cuiabá). No entanto, pode entrar na Justiça para garantir os valores da saúde que estão em atraso. 

 

O emedebista cobrou ainda o repasse de R$ 82 milhões que a prefeitura abriu mão em 2018 para ajudar à saúde do Estado, o dinheiro seria para equipar o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), mas foi usado pelo governo para pagar dívidas da Secretaria de Estado de Saúde com os municípios.   

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Você concorda com a reabertura de shoppings, bares e restaurantes em Cuiabá?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 02/06/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 24,30 0,83%

Algodão R$ 92,71 -0,22%

Boi a Vista R$ 130,56 0,00%

Soja Disponível R$ 67,30 0,75%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.