Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 14/10/2019

Política de MT - A | + A

ALINHAMENTO 11.09.2019 | 16h48

Mauro reúne base governista e pede apoio a projetos de austeridade

Facebook Print google plus
Thiago Andrade e Pablo Rodrigo

redacao@gazetadigital.com.br

Mayke Toscano/Secom-MT

 Mayke Toscano/Secom-MT

Com a possibilidade de derrota em projetos considerados importantes pelo Palácio Paiaguás, o governador Mauro Mendes (DEM) reuniu com os deputados integrantes da base governista para afinar o discurso e defender as medidas de austeridade propostas pelo governo. O chefe do Executivo estadual reuniu os governistas em um almoço nesta quarta-feira (11), na sede do governo. 

 

Entre os assuntos debatidos, segundo o presidente da Assembleia deputado Eduardo Botelho (DEM), foi a possibilidade de revogação da emenda que estabelece o teto de gastos do Estado - PEC do Teto. Botelho destacou que Mendes fez compromissos de austeridade com o governo federal e que a revogação mandaria um recado negativo sobre a auteridade.

 

Na terça-feira (10), a Comissão de Constituição Justiça e Redação da Assembleia aprovou o projeto do deputado Lúdio Cabral (PT) que revoga o teto de gastos em Mato Grosso. 

 

Mendes pediu ainda que a base não faça muitas auterações no Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentária (PLDO) e no orçamento de 2020, sob o risco de comprometer ainda mais as finanças do Estado.

 

A base, por sua vez, pediu a Mendes mais diálogo com os deputados. Pediram ainda que projetos de grande repercussão e importantes para o Estado sejam discutidos previamente com a base, o que não teria ocorrido no projeto de revisão dos incentivos e no chamado "Cota Zero" - que proíbe o transporte de peixes dos rios de MT.  

 

Emendas 

Botelho negou que os deputados tenham cobrado do governo o pagamento de emendas. 

 

Já o responsável pelas discussões com o Parlamento, o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, destacou que a intensão do governo é de pagar as emendas de anos anteriores. 

 

"Vamos pagas as emendas dos anos anteriores já estamos pagando alguma coisa estamos discutindo isso junto com a nossa liderança Dilmar Dal Bosco  e outros deputados, tudo que nós estamos fazendo relação emendas está sendo discutido dentro da Casa Civil a melhor forma vendo realmente os interesses de todos", disse.  

 

 

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O que você pensa sobre a CPI da Lava Toga?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 14/10/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,05 0,50%

Algodão R$ 90,18 0,56%

Boi a Vista R$ 139,50 -0,12%

Soja Disponível R$ 65,00 -0,99%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.