Publicidade

Cuiabá, Sábado 08/08/2020

Política de MT - A | + A

disputa na justiça 31.07.2020 | 16h37

'Não haverá medidas tomadas de afogadilho', diz Emanuel sobre fechamento do comércio

Facebook Print google plus

Assessoria

Assessoria

Após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que dá autonomia aos gestores municipais para decidir sobre medidas de isolamento e o consequente fechamento da cidade e não ao governo do Estado e nem ao Judiciário, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) comemorou.

 

O emedebista fará a primeira avaliação do novo horário de funcionamento do comércio e serviço de Cuiabá nesta segunda-feira (3). Novas medidas poderão ser anunciadas dependendo do avanço da covid-19 em Cuiabá.

 

Emanuel lembrou que o questionamento foi feito pela Prefeitura de Cuiabá e garantiu aos empresários da capital que não haverá nenhuma medida de fechamento do comércio e serviço tomada de afogadilho. 

 

Leia também - Lúdio questiona dados do Lacen divulgados pelo governo

 

"Com relação a isso eu quero deixar uma mensagem a todos os nossos trabalhadores e do nosso setor produtivo que está sendo penalizado por conta das medidas necessárias. Deixo uma mensagem de tranquilidade, de estabilidade, de diálogo e de esperança, não haverá nenhuma surpresa, essa decisão judicial reestabelece a Justiça", disse. 

 

Cuiabá teve medidas de fechamento de comércio e serviços entre os meses de março a maio (em alguns casos), depois teve quarentena obrigatória decretada pela Justiça entre junho e julho. "Essa decisão judicial reestabelece a decisão do município neste processo. Entretanto, nenhuma medida nova, de surpresa ou de afogadilho será tomada, fechando estabelecimentos e impedindo o trabalho", garantiu o prefeito. 

 

Emanuel garantiu que qualquer medida de restrição ao funcionamento para conter o avanço do novo coronavírus em Cuiabá será precedida de um amplo diálogo com os setores. "Toda e qualquer medida será tomada através deste diálogo, embasados em dados técnicos e científico do comportamento da covid-19 em Cuiabá, que inclusive, monitoramos diariamente o comportamento", disse. 

 

O prefeito disse que as medidas só serão tomadas para evitar um número de mortes ainda maior dos cidadãos cuiabanos. Emanuel lembrou que na próxima segunda-feira será feito o primeiro monitoramento. 

 

 

Vídeo

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Após a reabertura dos shoppings, você voltou a frequentar como antes da pandemia?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 07/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 18,10 1,12%

Algodão R$ 92,20 -0,25%

Boi a Vista R$ 137,67 -0,24%

Soja Disponível R$ 68,40 0,29%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.